Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Conceitos esquecidos: Renault Sandero Sand’Up adiantou ideia da Oroch

Logotipo do(a) motor1 motor1 5 dias atrás Nicolas Tavares

Renault Sandero Sand'Up Concept © Bereitgestellt von The Motorsport Network Renault Sandero Sand'Up Concept

Primeiro conceito da Renault brasileira, ele podia retirar o teto para virar uma picape conversível

Nome: Renault Sandero Sand’Up

Estreia: Salão de São Paulo 2008

Especificações: 1.6 16V Hi-Flex de 112 cv a 5.750 rpm e 15,5 kgfm de torque máximo, câmbio manual de 5 marchas

Porque lembramos dele:

O Salão de São Paulo de 2008 teve um gostinho especial para a Renault. Foi a primeira vez que a marca mostrou um conceito desenvolvido no Brasil, o Sandero Sand’Up. O hatch foi a base para um carro 2+2 lugares que apostava na versatilidade. O teto poderia ser retirado, deixando o modelo conversível. E ainda tinha um mecanismo que alongava o assoalho em 40 centímetros, transformando o Sandero em uma pequena picape.

Renault Sandero Sand'Up Concept © Bereitgestellt von The Motorsport Network Renault Sandero Sand'Up Concept Renault Sandero Sand'Up Concept © Bereitgestellt von The Motorsport Network Renault Sandero Sand'Up Concept

A projeto partia do Sandero Stepway, na época inédito no Brasil.  Aproveitava as ideias de um hatch aventureiro, com suspensão elevada e caixas de roda mais proeminentes. De certa forma, o Sandero Sand’Up acabou antecipando um outro veículo, a picape Duster Oroch. Algumas linhas são muito semelhantes, como o desenho da junção da coluna com a caçamba. A tampa traseira também lembra a Oroch, assim como as lanternas verticais posicionadas nas extremidades da carroceria.

Leia também:

Conceitos esquecidos: VW Parati EDP tinha visual inspirado nos carros da DTM

Conceitos esquecidos: Fiat Uno Cabrio criou expectativa para retorno da versão Turbo

Conceitos esquecidos: VW Saveiro Rocket tinha visual de cupê e motor 1.4 turbo

A carroceria teve uma série de alterações. As portas, por exemplo, eram transparentes, feitas de policarbonato e que abriam para cima. Os faróis usavam lâmpadas de LED, enquanto o painel trazia uma tela de LCD na parte central, para mostrar o navegador por GPS e as imagens das câmeras laterais, que substituíam os espelhos.

Renault Sandero Sand'Up Concept © Bereitgestellt von The Motorsport Network Renault Sandero Sand'Up Concept

A mecânica não era tão animadora quanto o design. Usava o mesmo motor 1.6 16V Hi-Flex de 112 cv e 15,5 kgfm do Sandero Stepway, acoplado a uma transmissão manual de 5 marchas. Só acelerava melhor por ser mais leve, indo de 0 a 100 km/h em 10,5 segundos, contra os 11,5 s do Stepway. Apesar do estilo topa-tudo, a tração era apenas dianteira.

Fotos: Divulgação

Renault Sandero Sand'Up Concept Conceitos esquecidos: Renault Sandero Sand’Up adiantou ideia da Oroch


Siga o MSN no Facebook

Mais de motor1

image beaconimage beaconimage beacon