Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Cagiva volta em 2021 com motos elétricas

Logotipo do(a) Motociclismo Online Motociclismo Online 6 dias atrás Willian Teixeira

A Cagiva, tradicional fabricante italiana que está inativa desde 2012, voltará a produzir motos a partir de 2021. Quem fez a afirmação foi Timur Sardarov, presidente da MV Agusta, atual detentora da marca. De acordo com o executivo, o foco será a fabricação de motocicletas elétricas com zero emissão de poluentes e totalmente voltadas à mobilidade urbana.

“Não vamos fazer scooters, e sim, motos fáceis de dirigir e com motores abaixo de 4kW. No momento ninguém consegue ter lucro produzindo motos acima desse limite”, afirmou Sardarov em entrevista à MOTOCICLISMO Itália. O executivo ainda destacou que em até 7 anos será economicamente sustentável produzir motos equivalentes, em termos de desempenho, às com motor de 350 cm³.

Cagiva volta ao mercado em 2021 com motos elétricas © Motociclismo Online Cagiva volta ao mercado em 2021 com motos elétricas

Veja também:

Kymco revela conceito elétrico RevoNEX em Milão

Moto elétrica anti-acidente é premiada na CES 2020

Harley-Davidson inicia vendas da elétrica LiveWire

Fundada em 1950 como uma fabricante de peças de metal, a Cagiva começou a produzir motocicletas em 1978. O nome é a junção das iniciais de Giovanni Castiglione, fundador da marca, e Varese, a cidade onde ela foi fundada.

Um de seus modelos de maior sucesso é a Elefant, vencedora do Dakar nos anos 1980. A marca de Varese também tinha muita tradição no motocross, além de ter

Cagiva Elefant fez sucesso no Rally Dakar nos anos 1980 © Motociclismo Online Cagiva Elefant fez sucesso no Rally Dakar nos anos 1980

O post Cagiva volta em 2021 com motos elétricas apareceu primeiro em Motociclismo Online.

Mais de Motoociclismo Online

Motociclismo Online
Motociclismo Online
image beaconimage beaconimage beacon