Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Honda Fit 2021 faz 22,2 km/l com inédita motorização híbrida

Logotipo do(a) iCarros iCarros 4 dias atrás João Brigato / Foto: Divulgação

Revelado no final do ano passado na Europa e no Japão simultaneamente, o Honda Fit 2021 começa suas vendas e novas informações foram divulgadas pela marca japonesa. A principal novidade fica por conta do baixo consumo da versão europeia do Fit, que é hibrida. No Brasil ele não deverá oferecer essa opção.

Leia mais:

+ Honda comemora 2 milhões de carros feitos no Brasil

+ Honda Civic Hybrid existe há mais tempo que o Corolla Hybrid

+ Toyota Corolla e Honda Civic começam 2020 mais caros

Fit Hybrid

Chamado por lá de Jazz, o novo Honda Fit 2021 será comercializado somente com motorização híbrida na Europa. O conjunto é composto pelo já conhecido motor 1.5 da Honda associado a dois motores elétricos posicionados na dianteira. As baterias ficam na parte traseira sem comprometer o porta-malas ou o sistema Magic Seats do Fit.

Procurando um Fit? Veja ofertas

A Honda não detalha a potência específica de cada motor, garantindo apenas que o Fit híbrido rende 109 cv e 25,8 kgfm de torque. Comparando ao Fit brasileiro com motor 1.5 flex aspirado e que não tem auxílio de propulsão elétrica, o modelo europeu é menos potente, mas tem mais torque. O nosso Fit entrega 116 cv e 15,6 kgfm.

A diferença mais gritante entre o Fit da Europa e do Brasil na parte mecânica está no consumo. Por aqui o nosso modelo consegue 8,3 km/l com etanol na cidade ou 11,6 km/l com gasolina no mesmo trecho.

Simule as parcelas do seu próximo carro aqui

Na estrada o Fit flex brasileiro bate 9,5 km/l ou 13,6 km/l com etanol ou gasolina, respectivamente. Já o Fit híbrido europeu, ou Jazz e:HEV como é chamado oficialmente, atinge 22,2 km/l em consumo combinado cidade-estrada.

Como vai ser o Fit no Brasil?

Com expectativa de ser lançado no Brasil ainda em 2020, a quarta geração do Honda Fit não deve adotar motorização híbrida por aqui. A grande expectativa é que o hatch monovolume traga o novo 1.0 três cilindros turbo de 129 cv e 20,4 kgfm de torque que já é usado pelo Civic na Europa.

A transmissão CVT pareada a esse motor turbinado é nova e simula sete marchas, diferentemente da atual transmissão de Fit, City e WR-V que não possui simulação. Dados de consumo ainda não foram divulgados para esse motor.

Resgatando a alma do Fit

Resgatando elementos de estilo da primeira geração, o novo Honda Fit ficou mais tecnológico e com mais personalidade que o modelo atualmente vendido no Brasil. Os faróis grandes voltaram e as lanternas deixaram de invadir a coluna C para tomar parte da tampa traseira.

Os elementos inspirados no Civic foram dispensados, assim como os fortes vincos e reentrâncias do modelo atual. O novo Fit 2021 poderá adotar uma grade frontal diferente no Brasil, visto que o foi feito no modelo atual.

Por dentro ele ficou mais sofisticado e tecnológico, ganhando acabamento melhor cuidado e esmerado. O volante de dois aros é estranho à primeira vista, mas combina com o visual minimalista da cabine.

O novo Fit tem painel de instrumentos totalmente digital como o Volkswagen Polo nas versões mais caras. Além disso tem nova central multimídia com Android Auto e Apple CarPlay, freio de estacionamento eletrônico e ar-condicionado digital. Tal qual o HR-V, o novo Honda Fit tem faixa de tecido ou couro no painel.

Acompanhe as novidades do mundo automotivo pelo iCarros no:

Facebook (facebook.com/iCarros)

Instagram (instagram.com/icarros_oficial)

YouTube (youtube.com/icarros)

Mais de iCarros

image beaconimage beaconimage beacon