Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Em 6 horas, São Paulo registra mais chuva do que a média para o mês inteiro

Logotipo do(a) Estadão Estadão 07/04/2017 Isabela Palhares
Em 6 horas, chuva em São Paulo foi maior do que a média para o mês e provocou alagamentos: <p>A forte chuva que atingiu a capital paulista entre a noite de quinta-feira, 6, e a madrugada de sexta, 7, provocou dezenas de pontos bloqueados, em razão de alagamentos. O Rio Tietê transbordou e provocou interdições ao longo da Marginal até em torno das 8 horas.</p> Em 6 horas, chuva em São Paulo foi maior do que a média para o mês e provocou alagamentos

SÃO PAULO - Em seis horas, a capital paulista registrou 75 milímetros de chuva entre a noite de quinta-feira, 6, e a madrugada de sexta, 7. O volume é maior do que a média prevista para o mês de abril inteiro, que é de 70 mílimetros, de acordo com o Instituto Nacional de Metereologia (Inmet).

A chuva foi mais intensa na região central: na Sé, foram registrados 104,5 mm, de acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências. A zona oeste também registrou uma média superior, com 95,4 mm para o Butantã e 87mm em Pinheiros.

A chuva forte e concentrada em pouco tempo fez com que córregos e rios transbordassem, como o rio Tietê, na altura da ponte do Piqueri, o rio Verde, na zona leste, o córrego do Mandaqui e o córrego Perus. A região da Marginal Tietê e rodovias de acesso à zona norte concentraram o maior número de interdições, até em torno das 8 horas da manhã.

Na Região Metropolitana, em São Roque, um homem ainda não identificado desapareceu após ser levado pela correnteza em um córrego.

Alagamento São Paulo: Avenida Marquês de São Vicente, na Barra Funda, é um dos pontos bloqueados por alagamentos © Hélvio Romero/Estadão Avenida Marquês de São Vicente, na Barra Funda, é um dos pontos bloqueados por alagamentos

Previsão.

De acordo com o CGE, durante o final de semana, os ventos úmidos que sopram do oceano ainda devem deixar o tempo instável na capital. São esperadas muita nebulosidade, chuvas e queda das temperaturas.

Nesta sexta-feira, o dia segue com nebulosidade e chuva e as temperaturas não devem subir. As mínimas oscilam em torno dos 19ºC, enquanto as máximas podem chegar aos 26ºC. No sábado, 8, o sol pode aparecer entre nuvens, mas os ventos úmidos continuam a provocar chuvas fracas, principalmente durante a madrugada e o final do dia. As temperaturas variam entre 18ºC e 27ºC.

Mais de Estadão

image beaconimage beaconimage beacon