Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Sem horário de verão, celulares adiantam relógio em uma hora

Logotipo do(a) Estadão Estadão 03/11/2019 Redação

Mesmo com a extinção dohorário de verão, por meio de decreto do presidente Jair Bolsonaro em abril deste ano, usuários do sistema Android afirmaram nas redes sociais na madrugada deste domingo, 3, que os relógios de seus celulares adiantaram uma hora automaticamente. Como o domingo é dia da primeira prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019, é preciso que os usuários de smartphones fiquem atentos.

O problema já era previsto. Em comunicado em blog, o Google explicou que "todas essas modificações impactam diretamente no Banco de Dados Global da IANA (em português, Autoridade para Atribuição de Números de Internet), que é utilizado por smartphones e dispositivos eletrônicos para garantir que você esteja sempre na hora certa, onde quer que esteja. Na prática, isso significa que alguns celulares possivelmente não tenham a informação necessária para evitar que o relógio dos aparelhos seja alterado automaticamente como se o horário de verão ainda estivesse valendo".

Segunda vez

Em 20 de outubro, parte da população foi surpreendida pela atualização errônea do horário de verão em celulares e outros dispositivos. O horário foi atualizado automaticamente pelas operadoras de telefonia, já que o horário de verão começava tradicionalmente no terceiro final de semana de outubro.

Histórico

Criado com o objetivo de economizar energia e aproveitar o maior período de luz solar durante os meses mais quentes do ano, quando os dias também são mais longos, o horário de verão foi adotado no Brasil pela primeira vez em 1931 e implementada em caráter permanente a partir de 2008 e começaria no primeiro domingo do mês de novembro de cada ano, até domingo do mês de fevereiro do ano seguinte, em parte do território nacional. Só haveria mudança em ano que houvesse coincidência entre o domingo previsto para o término da hora de verão e o domingo de carnaval.

Vídeo: Bolsonaro compra moto no DF e sai de loja pilotando (Estadão)

A SEGUIR
A SEGUIR

Mais de Estadão

image beaconimage beaconimage beacon