Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

O que inteligência emocional faz pela sua carreira, segundo a Ciência

Logotipo do(a) Você S/A Você S/A 18/07/2019 Camila Pati
© foto/Getty Images

São Paulo – No terceiro episódio da websérie produzida pelo Na Prática, para a VOCÊ S/A, instrutora Lorena Bernardes explica qual é a relação entre um bom nível de inteligência emocional e o desempenho profissional.

Para isso, ela reuniu seis estudos científicos que investigaram o que as pessoas com inteligência emocional fazem de diferente no ambiente de trabalho.

O primeiro estudo da universidade de Toronto, aponta que as pessoas que têm uma maior regulação emocional diante de um dilema tendem a pensar mais no bem social do que outras pessoas.

O segundo estudo, da África do Sul, indica relação inversamente proporcional entre a inteligência emocional e estresse no ambiente de trabalho.

A Ciência também já comprovou que quanto maior o nível de inteligência emocional, maior o êxito na carreira. Pesquisa de Harvard ainda mostrou maior sucesso social de quem gerencia melhor emoções.

Resiliência também é uma virtude fruto da inteligência emocional. A capacidade de ser otimista mesmo diante de perspectivas negativas é vantajosa para os estudos acadêmicos e também para as vendas.

Relação positiva e clara entre inteligência emocional e eficácia das lideranças também foi objetivo de investigação de pesquisadores. E, em Yale, verificou-se vantagens da inteligência emocional para o trabalho em equipe.

Confira, o vídeo, completo da websérie e, se você perdeu, pode conferir os episódios anteriores aqui ( 1º) e aqui  ( 2º)

Repetir vídeo

__________________________________

Mais de Você S/A

image beaconimage beaconimage beacon