Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Com ingressos à venda, Hopi Hari anuncia mais de 200 novas vagas de emprego

Logotipo do(a) InfoMoney InfoMoney 14/07/2017 InfoMoney
InfoMoney (Reprodução/Facebook) © Reprodução/Facebook InfoMoney

SÃO PAULO – Depois de anunciar a reabertura de suas portas no início do mês, o Hopi Hari publicou em sua página do Facebook que vai contratar 211 novos funcionários nas áreas de atendente de operação I e II, manutenção elétrica e manutenção mecânica.

Na publicação, o parque não informou quais são os benefícios ou salários das vagas, dizendo apenas que todos eles receberão capacitação completa e adequada para a função assumida. “Para os habitáris [funcionários] antigos, buscamos sempre atualizações necessárias, seja para o atendimento ao público, manutenção ou entretenimento”, continuou.

Em janeiro do ano passado, os funcionários do parque viram seu salário atrasar por meses, não receberam a segunda parcela do 13º e tiveram o convênio médico cortado, segundo relatos dos mesmos à Folha de S. Paulo; o parque, entretanto, negou as acusações à época.

Além das novas contratações, o parque também anunciou na publicação que está voltando com atrações que permaneceram fechadas “há anos”, como o Rio Bravo e o Katapul. “O país mais divertido do mundo está pronto para acolhê-los com o tum-tum cheio de amor para dar e sorrisos para distribuir. No dia de nossa grande inauguração retornaremos a todo vapor”, diz a publicação, assinada pelo presidente do Hopi Hari, José David.

No último dia 14, o parque anunciou a retomada das vendas de ingressos depois de quase dois meses sem funcionar. Diferente dos R$ 99 cobrados anteriormente, o novo ingresso será vendido por R$ 150; a justificativa da empresa para o aumento é de que atrações que antes eram pagas serão gratuitas.

Apesar de não divulgar uma data específica para a reabertura do parque, os ingressos podem ser comprados já para o dia 5 de agosto. O parque está fechado desde o dia 12 de maio por conta de uma severa crise financeira, que levou ao corte de energias e suposto atraso de salários.

Mais de InfoMoney

image beaconimage beaconimage beacon