Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Ministério Público do Trabalho realizará reunião virtual com a Ford

Logotipo do(a) Poder360 Poder360 13/01/2021 Poder360

O MPT (Ministério Público do Trabalho), realizará, na 5ª (14.jan.2021), audiência virtual com a Ford para discutir quais serão os impactos trabalhistas com o fim das atividades da montadora no país.

O órgão informou, por meio da assessoria de imprensa, que a audiência conta com o apoio da Procuradoria Geral da República e do Ministério da Economia. Segundo o MPT, objetivo dessa primeira reunião, dentre outras que podem vir a ocorrer, é viabilizar meios de reduzir os impactos trabalhistas com a saída da Ford do Brasil.

Apesar de se tratar de audiência virtual, o MPT  informou que a reunião será fechada à imprensa e ao público.

A audiência terá a participação do procurador-geral do MPT, Alberto Balazeiro, do titular da Coordenadoria Nacional de Promoção da Liberdade Sindical e do Diálogo Social (Conalis) do MPT, Ronaldo Lima dos Santos, do secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Bruno Bianco Leal e de representantes da Ford. A assessoria do MPT disse não saber quem são os representantes da montadora que participarão da reunião.

“Perdas significativas”

A Ford anunciou que deixaria o Brasil nesta 2ª (11.jan.2021) após “perdas significativas” nos últimos anos. A empresa fechará as fábricas de Camaçari (BA), Taubaté (SP) e da Troller (Horizonte, CE) ao longo de 2021. Aproximadamente 5.000 empregos podem ser comprometidos. Eis a íntegra do anúncio (88 KB).

De acordo com a fabricante de veículos, a empresa continua comprometida com os consumidores no Brasil com a nova picape Ranger, a Transit e outros modelos, trazidos da Argentina e de outros países. Há planos também de lançar automóveis elétricos, também importados.

Mais de Poder360

image beaconimage beaconimage beacon