Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Divisão dos lucros do FGTS beneficiará 88 milhões de trabalhadores

Logotipo do(a) Estadão Estadão 10/08/2017 Eduardo Rodrigues, Carla Araújo e Lorenna Rodrigues

BRASÍLIA - O presidente da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occhi, afirmou nesta quinta-feira que a distribuição dos dividendos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) injetará R$ 7,280 bilhões na economia. A liberação dos valores, como antecipou o 'Estado' em maio, ocorrerá até o dia 31 de agosto.

“A medida é inédita nesses 50 anos do Fundo de Garantia e uma grande vitória dos trabalhadores. São 88 milhões de trabalhadores que serão beneficiados”, afirmou, durante o anúncio, no Palácio do Planalto.

O que o brasileiro fez com o dinheiro do FGTS: O FGTS pode ser resgatado na aposentadoria ou para comprar a casa própria © Dida Sampaio/Estadão O FGTS pode ser resgatado na aposentadoria ou para comprar a casa própria

O índice de rentabilidade das 245,7 milhões de contas do FGTS contempladas chegará a 7,14% ao ano e a liberação para os trabalhadores equivale à metade do lucro de R$ 14,55 bilhões do lucro líquido do fundo no ano passado.

Os repasses serão proporcionais aos valores de cada conta, e o montante médio dos depósitos será de R$ 29,62. “São medidas como essa que fortalecem e trazem benefícios a toda a sociedade”, completou Occhi.

Segundo ele, a medida não onera os empregadores. Occhi lembrou ainda que os saques das contas inativas do FGTS superaram R$ 44 bilhões.

Vídeo: Foi demitido? Veja como contar isso na entrevista (Via Exame.com)

A SEGUIR
A SEGUIR


Mais de Estadão

image beaconimage beaconimage beacon