Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Time da NBA cria jogo de basquete em realidade aumentada

Logotipo do(a) Estadão Estadão 20/04/2017 Redação Link
Ingress: Criado pela Niantic, mesmo estúdio responsável pelo Pokémon GO, o game Ingress aborda o surgimento de uma energia misteriosa que influencia a maneira como as pessoas pensam. O jogador é convidado a lutar ao lado dos Iluminados, que querem usar o poder desta energia, ou da Resistência, que não quer que a energia seja usada. Para jogar, é necessário sair pela cidade para encontrar missões e outros jogadores (aliados ou inimigos). O aplicativo é gratuito e está disponível para Android e iOS. Time da NBA cria jogo de basquete em realidade aumentada

A realidade aumentada é uma das grandes tendências tecnológicas do momento – basta ver o anúncio feito pelo Facebook na última terça-feira, em sua conferência anual de desenvolvedores, ou pensar no sucesso de Pokémon Go. Por enquanto, a tecnologia ainda tem poucas aplicações – mas algumas delas são bastante divertidas. É o caso do time de basquete Cleveland Cavalliers, que lançou um app com um divertido jogo baseado na tecnologia.

Chamado de Deep in the Q, o aplicativo está disponível apenas para iPhone, por enquanto.

A ideia é bem simples: o aplicativo abre sua câmera e quando reconhece uma figura especial – uma imagem que identifica o logo do Cavaliers e seu patrocinador, a cerveja Bud Light –, abre-se no jogo uma tabela de basquete, uma bola e um placar com a sua pontuação.

A partir disso, a brincadeira é simples: tentar acertar a bola dentro da cesta. Graças à realidade aumentada, o usuário pode se movimentar em torno da cesta, que vai ficar fixa na tela de um computador, por exemplo.

É um jogo simples – e não muito diferente de outros games de basquete para celular –, mas que diverte justamente por conta da realidade aumentada.

Uma das ideias do Cavaliers é colocar a imagem especial no placar de sua arena durante os jogos dos playoffs da NBA, a liga norte-americana de basquete. A ideia é que os fãs possam se divertir durante os intervalos e pausa dos jogos.

Mais de Estadão

image beaconimage beaconimage beacon