Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Em 1º teste contra grande Europeu, Brasil não sai do zero com desfalcada Inglaterra

Logotipo do(a) ESPNESPN 3 dias atrás ESPN.com.br
Gabriel Jesus disputa bola com o goleiro Joe Hart durante amistoso entre Brasil e Inglaterra, em Londres © GettyImages Gabriel Jesus disputa bola com o goleiro Joe Hart durante amistoso entre Brasil e Inglaterra, em Londres

No primeiro teste de Tite contra um time europeu, nada de gols. Mesmo diante de uma Inglaterra bem desfalcada, a seleção brasileira não conseguiu sair de um empate por 0 a 0 em Wembley.

Foi o primeiro duelo de Tite contra uma seleção europeia – até agora, os rivais haviam vindo da América do Sul, da Ásia ou da Oceania. O teste era bem importe porque a Europa tem sido justamente o pesadelo brasileiro em Copas do Mundo, com três eliminações consecutivas para times do Velho Continente.

Por isso tudo, Tite levou a partida bem a sério. Começou com o time que considera ideal, com Alisson; Daniel Alves, Miranda, Marquinhos e Marcelo; Casemiro, Paulinho e Renato Augusto; Philippe Coutinho, Neymar e Gabriel Jesus.

E no decorrer do jogo, nada de trocar o time todo. Foram apenas três substituições, todas que realmente podem acontecer em uma situação de partida: Fernandinho, Willian e Firmino nos lugares de Renato Augusto, Coutinho e Jesus.

A seriedade com que encarou a partida até fez um pouco de diferença com a bola rolando. Foi o Brasil quem dominou mais a partida. Mesmo assim, criou poucas chances claras de balançar as redes.

As melhores vieram no segundo tempo. Mas Coutinho e Paulinho pararam em boas defesas de Hart, enquanto Fernandinho errou por pouco a pontaria e tirou tinta da trave.

A Inglaterra sofreu também por estar desfalcada. Foram sete cortes por conta de lesões, incluindo jogadores importantíssimos como o meio-campista Dele Alli, o atacante Raheem Sterling e o centroavante Harry Kane.

Mesmo assim, também deu seu susto. Logo no fim da partida, Lingard fez Alisson sair bem do gol para evitar que o placar se alterasse.

Agora, o Brasil só volta a campo em março do ano que vem. Primeiro enfrenta a Rússia, no dia 23, e depois duela com a Alemanha, no dia 27. Será a última convocação antes da lista final para a Copa do Mundo.

Mais de ESPN

image beaconimage beaconimage beacon