Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Britânico Hegarty morre aos 31 anos em decorrência de grave acidente em prova de moto no GP de Macau

Logotipo do(a) Grande Prêmio Grande Prêmio 18/11/2017 Redação GP


Daniel Hegarty (Foto: Divulgação/GP de Macau)) © Fornecido por Grande Prêmio Daniel Hegarty (Foto: Divulgação/GP de Macau)) O GP de Macau de moto terminou de maneira trágica. O britânico Daniel Hegarty sofreu um acidente neste sábado (18) e não resistiu às lesões.

O piloto da Topgun Honda caiu na Fisherman na sexta volta da corrida, bateu nas barreiras de proteção e chegou até mesmo a perder o capacete. A prova foi imediatamente interrompida em bandeira vermelha e, por conta da gravidade do acidente, não foi mais reiniciada.

Hegarty, de 31 anos, foi socorrido e levado ao hospital, mas a organização da prova anunciou em um comunicado que o britânico faleceu no caminho.


© Foto: Reprodução/Facebook

“A família e o time foram contatados, e o Comitê vai garantir que toda assistência seja estendida a eles”, diz o comunicado. “O Comitê do GP de Macau estende suas mais profundas condolências à família e aos amigos de Daniel”.

Natural de Nottingham, Hegarty participava do GP de Macau pela segunda vez, tendo sido 16º colocado na edição do ano passado. O britânico também competia de forma regular no TT da Ilha de Man, participando nas categorias Supersport e Superbike desde 2011.

Hegarty é o primeiro piloto a perder a vida em Macau desde o acidente fatal do português Luis Carreira, na classificação da prova de 2012.

Com o encerramento da corrida, a vitória da ficou com Gleen Irwin, com o resultado da prova validado na quinta volta.



Mais de Grande Prêmio

image beaconimage beaconimage beacon