Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Dortmund dá ultimato a Aubameyang e exige R$ 255 milhões para vendê-lo

Logotipo do(a) ESPN ESPN 17/07/2017 ESPN.com.br
A situação de Aubameyang deve ser definida nos próximos dias © Alexandre Simoes/Borussia Dortmund/Getty A situação de Aubameyang deve ser definida nos próximos dias

Alvo de Chelsea e Milan, Aubameyang recebeu uma espécie de ultimato por parte do Borussia Dormtmund. O time alemão definiu que o atacante precisa aparecer com uma proposta concreta o mais rápido possível, em dois dias, no máximo, para poder ser negociado e deixar o clube auri-negro.

Hans-Joachim Watzke, diretor-geral do clube, confirmou a posição do Dortmund em entrevista ao jornal alemão 'Welt am Sonntag': "Se Aubameyang quiser ir à algum lugar e tiver um clube disposto a atender às nossas exigências, venha e vamos conversar", afirmou o dirigente, que ressaltou que o contato deve ser breve, pois o clube não pretende prolongar esta situação por muito mais tempo.

O motivo da urgência do Borussia Dortmund está relacionado às movimentações que o time terá que fazer no mercado para ir à procura de um substituto do gabonês, que satisfaça o novo treinador, Peter Bosz.

O time que quiser contar com o artilheiro da última temporada da Bundesliga terá que estar disposto a colocar a mão no bolso, já que o Dortmund pede € 70 milhões (R$ 255 milhões) para liberar o atacante. Estes valores podem travar o surgimento de alguma negociação, pois as cifras parecem não ter agradado as cúpulas de Chelsea e Milan, maiores interessados em Aubameyang.

Os Blues estão buscando um substituto para Diego Costa, enquanto os italianos procuram um goleador de peso para acabar com a revolução que os chineses estão operando no elenco rossonero para a próxima temporada. Já são nove contratações do Milan com os novos proprietários orientais.


Mais de ESPN

image beaconimage beaconimage beacon