Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Santos vence bem o Vasco na Vila e abre vantagem na Copa do Brasil

Logotipo do(a) Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva 18/04/2019 Gazeta Esportiva

A SEGUIR
A SEGUIR

O Santos venceu o Vasco por 2 a 0 na noite desta quarta-feira, na Vila Belmiro, e abriu boa vantagem na quarta fase da Copa do Brasil.

Os gols foram marcados por Rodrygo e Jean Mota. A partida de volta ocorrerá na próxima quarta, em São Januário. O Peixe pode até perder por um gol de diferença para avançar às oitavas de final.

O Alvinegro da Vila não teve dificuldade para vencer. Mesmo sem atuação brilhante, os donos da casa abriram 2 a 0 e ficaram perto do terceiro no segundo tempo.

O Santos voltará a campo apenas para enfrentar o Vasco, no Rio. O Cruzmaltino enfrentará o Flamengo, domingo, pela final do Campeonato Carioca.

O JOGO

O Santos, mais uma vez, se lançou ao ataque desde o minuto inicial. Dessa vez, porém, mostrou menos intensidade e pouco criou no primeiro tempo.

No 2-3-5, como define Jorge Sampaoli, o Peixe não encontrou brechas nas duas linhas de quatro da defesa do Vasco.

A melhor chance veio em jogada individual de Rodrygo, aos 24 minutos. O camisa 11 driblou Danilo Barcelos e chutou cruzado, com perigo. Aos 43, o Vasco quase surpreendeu.

Em escanteio curto, Sasse tocou para Maranhão. Após bate-rebate no cruzamento, a bola sobrou para Ricardo, desengonçado, cabecear por cima do gol de Everson.

PRESSÃO FUNCIONA

O Peixe voltou com ritmo maior e marcou logo aos dois minutos. Soteldo fez boa jogada pela esquerda e cruzou para Rodrygo se antecipar à defesa e bater forte, cruzado. 1 a 0 para o Santos.

O Alvinegro diminuiu a intensidade, o Vasco passou a ficar com a bola, mas foram os donos da casa quem balançaram as redes.

No minuto 20, Jean Mota recebeu de Rodrygo, driblou Danilo Barcelos e chutou de fora da área, no canto de Gabriel Félix. Um golaço.

Mesmo com 2 a 0 no placar, o Santos não parou de atacar e esteve perto do terceiro até o apito final. Na melhor chance, aos 28, Soteldo puxou contra-ataque, fez fila, deu caneta e tocou para Sánchez. O uruguaio cruzou para Rodrygo, mas o camisa 11 não conseguiu marcar.

Nos minutos finais, o Peixe administrou a vantagem e levará boa vantagem para a decisão no Rio de Janeiro.

FICHA TÉCNICA

SANTOS 2 X 0 VASCO

Data: 17 de abril de 2019 (Quarta-feira)

Horário: 19h15(de Brasília)

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)

Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi (RS) e Leirson Peng Martins (RS)

Público e renda: 8.659/R$ 388.682,50

Cartões amarelos: SANTOS: Rodrygo e Gustavo Henrique. VASCO: Willian Maranhão

GOLS

Santos: Rodrygo e Jean Mota, aos 2 e 20 minutos do 2T;

SANTOS: Everson, Victor Ferraz, Felipe Aguilar, Gustavo Henrique e Diego Pituca; Alison, Carlos Sánchez (Eduardo Sasha) e Jean Mota (Jean Lucas); Rodrygo, Soteldo e Derlis González (Jorge)

Técnico: Jorge Sampaoli

VASCO: Gabriel Félix, Raúl Cáceres (Claudio Winck), Werley, Ricardo Graça e Danilo Barcelos; Willian Maranhão (Maxi López), Raul e Lucas Mineiro; Yago Pikachu (Lucas Santos), Yan Sasse e Marrony

Técnico: Alberto Valentim

Quer receber as principais notícias do MSN Brasil pelo Facebook Messenger?
Inscreva-se agora.

Mais de Gazeta Esportiva

image beaconimage beaconimage beacon