Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

NBA: Triplo-duplo insano de Westbrook, 56 pontos de Aldridge: Spurs vencem Thunder depois de duas prorrogações

Logotipo do(a) ESPNESPN 11/01/2019 ESPN.com.br
LaMarcus Aldridge, ala-pivô dos Spurs, em partida contra o Thunder © Getty LaMarcus Aldridge, ala-pivô dos Spurs, em partida contra o Thunder

Insanidade. Não há outra palavra para descrever o que aconteceu no jogo entre San Antonio Spurs e Oklahoma City Thunder, na noite de quinta-feira.

LaMarcus Aldridge fez 56 pontos, e os Spurs superaram o triplo-duplo absurdo de Russell Westbrook e venceram em casa por 154 a 147 depois de duas prorrogações.

O armador do Thunder terminou a partida com 24 pontos, 24 assistências e 13 rebotes - além de ter cometido apenas três turnovers em 50 minutos de quadra.

Mas se os números da dupla já assustam, eles foram apenas o começo...

O inacreditável Westbrook

Westbrook durante derrota do Thunder para os Spurs © Getty Westbrook durante derrota do Thunder para os Spurs

O armador tem média de triplo-duplo - assim como teve nas últimas duas temporadas, então vê-lo terminar o jogo com pelo menos 10/10/10 não é surpreendente. Mas o que ele fez contra os Spurs foi especial.

Ele se tornou o primeiro da história da NBA com 24 pontos, 24 assistências e 13 rebotes. Isiah Thomas é o único outro jogador com 24/24/10, em jogo do Detroit Pistons de 1985 que também teve duas prorrogações.

Foi o segundo jogo da carreira de Westbrook com mais de 20 pontos, 20 assistências e 10 rebotes. Apenas Magic Johnson e Oscar Robertson têm mais (três para cada). Além disso, as 24 assistências são um recorde na carreira do armador e a maior marca desde que Rajon Rondo deu 25 pelo New Orleans Pelicans, em dezembro de 2017.

LaMarcus Aldridge explode

O ala-pivô dos Spurs acertou 20 dos 33 arremessos que tentou, converteu todos os seus 16 lances livres e quebrou seu recorde de pontuação, que era de 45 (em 23 de março de 2018, contra o Utah Jazz). Nenhum jogador de San Antonio fazia mais de 55 pontos desde Tony Parker, em 2008. 

A marca de Aldridge é a terceira maior da história da franquia, atrás apenas de David Robinson (71 em 1994) e George Gervin (1978).

Ele ainda chegou a 17.758 pontos na carreira, superando ninguém menos que Magic Johnson e tomando o 78º lugar na lista histórica da NBA.

Os Spurs não arremessam de longe...

San Antonio conseguiu um novo recorde da franquia em bolas de três. Depois de acertar as 14 primeiras tentativas, a equipe terminou a noite com 16 de 19.

O curioso é que o time entrou no jogo como o que menos tenta arremessos na liga e o que tem melhor aproveitamento.

Pontos para todos os lados

Os dois times combinaram para 301 pontos, a maior marca da temporada 2018-19. O último jogo a passar dos 300 pontos - exceto pelos All-Star Games - aconteceu em dezembro de 2006, quando o Phoenix Suns venceu o New Jersey Nets por 161 a 157 - foram 318, também em duas prorrogações.

Os 154 pontos dos Spurs foram a maior marca desde os 161 feitos contra o Denver Nuggets, em 1990. Já os 147 do Thunder não aconteciam desde... janeiro de 2018, quando o time fez 148 contra o Cleveland Cavaliers de LeBron James.

Popovich sobe no ranking de vitórias

Perdido em meio ao caos da partida está a vitória de número 1.222 da carreira do treinador dos Spurs. Agora, Popovich deixou o lendário Jerry Sloan para trás e assumiu o terceiro lugar. O próximo na lista é Lenny Wilkens, com 1.332. O líder do ranking é Don Nelson, com 1.335, número que, se Popovich seguir neste ritmo de vitórias, será alcançado na temporada 2020-21.

_____________________________

Veja as notícias mais importantes do dia no seu celular com o app Microsoft Notícias. Disponível para iOS e Android. Baixe agora.

Mais de ESPN

image beaconimage beaconimage beacon