Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Dicas para incrementar a marcenaria planejada

Logotipo do(a) Estadão Estadão 1 dia atrás Anelisa Lopes

Planejar a marcenaria é um processo que envolve funcionalidade, ergonomia e estética. No último caso, a imensa variedade de acabamentos e cores pode dificultar a decisão por um ou outro material, mas algumas sugestões facilitam a escolha e incrementam o visual do seu projeto.

(ANELISA LOPES ESCREVE SEMPRE ÀS TERÇAS. ACOMPANHE SEU PERFIL NO INSTAGRAM: @anelisalopes)

 
© Fornecido por Estadão

Laminado, ripa e laca: usados em conjunto, garantem um ótimo resultado (foto: Pinterest)

O MDF é o material mais procurado para fabricar os móveis em razão do custo-benefício, versatilidade e flexibilidade. Mas você pode sair do lugar comum na hora de projetar o mobiliário e garantir um efeito surpreendente. 


Galeria: Os castelos mais imponentes do mundo (Espresso)

Em vez de optar por um acabamento em uma única textura ou cor, pode mesclar com acabamento em laca, fosca ou brilhante, ou com superfície ripada, por exemplo. 

Outro tipo de acabamento que resulta em um visual bem bonito é a palhinha que, além de tudo, permite que a parte interna do móvel "respire". Se a ideia é dar um toque sofisticado, acabamento metalizado é uma boa pedida. 

Optar pelas lâminas de madeira natural também é uma possibilidade. Esse tipo de acabamento permite a construção de móveis idênticos aos de madeira maciça, mas o investimento é bem mais baixo e sustentável.

Já o tamponamento conta com a aplicação de uma camada extra de MDF ao redor do móvel, como se fosse uma embalagem ao redor do nicho. 

Mesclar acabamentos e texturas incrementa o desenho do mobiliário e imprime personalidade ao projeto. 

Mais de Estadão

image beaconimage beaconimage beacon