Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Ficar abraçadinho com seu amor causa 4 reações químicas extremamente benéficas

Logotipo do(a) Vix Vix 03/10/2017 Paulo Nobuo

casal abraco conchinha 0417 400x800 © Fornecido por Batanga Media Difusão pela Internet LTDA casal abraco conchinha 0417 400x800

Você sente de forma prática como um simples abraço da pessoa amada tem o poder de transformar o seu dia ao promover grande troca de energias e afeto. E saiba que as sensações são cientificamente comprovadas e que, de acordo com estudos, o carinho faz bem por provocar reações químicas que reduzem a ansiedade, o estresse e melhoram a saúde como um todo.

Abraço provoca reações químicas benéficas

carinho casal gay 0317 400x800 © Fornecido por Batanga Media Difusão pela Internet LTDA carinho casal gay 0317 400x800

1. Um abraço é capaz de liberar ocitocina, um neurotransmissor que tem o poder de aumentar o bem-estar, o sentimento de compaixão e a confiança. A reação química ocorre quando ficamos fisicamente próximos de alguém que amamos e ajuda na redução de estresse, medo e ansiedade.

2. Abraçar a pessoa amada também reduz os níveis de cortisol, conhecido como “hormônio do estresse”. A troca de afeto e carícias, segundo estudos, alivia a ansiedade e as tensões, além de diminuir as chances de uma pessoa sofrer com doenças relacionadas ao estresse.

casal se abracando 0716 630x350 © Fornecido por Batanga Media Difusão pela Internet LTDA casal se abracando 0716 630x350

3. Pesquisas ainda indicam que o abraço diminui a pressão arterial e regula os batimentos cardíacos. O carinho, portanto, promove sensação imediata de paz e tranquilidade e fortalece a saúde do coração.

4. Por fim, um abraço da pessoa amada pode até melhorar a autoestima e fazer com que você se sinta mais seguro e sensual. Afinal, o toque carinhoso promove a liberação de dopamina, hormônio do bem-estar e que aumenta o desejo sexual.

Mais de Vix

image beaconimage beaconimage beacon