Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

AO VIVO | Últimas notícias sobre o coronavírus e a crise política no Brasil

Logotipo do(a) EL PAÍS EL PAÍS 17/10/2020 El País

Nota aos leitores: EL PAÍS mantém abertas informações essenciais sobre o coronavírus durante a crise. Apoie nosso jornalismo, assine aqui.

Brasil soma 153.214 mortes por covid-19 e 5,2 milhões de infecções. A covid-19 já afetou 158 povos originários no Brasil, matando 851 indígenas e infectando 36.637 deles, de acordo com a Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib).Um professor de história francês foi degolado na tarde desta sexta-feira nas proximidades de Paris, após mostrar recentemente caricaturas de Maomé a seus alunos, como parte de uma aula sobre liberdade de expressão. O governador de São Paulo, João Doria, anunciou nesta sexta-feira um novo plano de retomada econômica para o biênio 2021/2022, com a injeção de 36 bilhões de reais em investimentos e criação de dois milhões de empregos nos próximos quatro anos. O número de desocupados no Brasil chegou a 14 milhões, com isso, a taxa de desocupação ficou em 14,4%, a maior registrada durante a pandemia.

Veja os destaques da cobertura deste sábado:

  • Pelo menos 851 indígenas já morreram de covid-19 no Brasil.
  • Na França, homem degola professor que havia mostrado caricaturas de Maomé a seus alunos.
  • São Paulo anuncia plano de retomada econômica para 2021/2022.
  • Desemprego no Brasil atinge a 14 milhões e taxa de desocupação é a maior da pandemia.
  • Brasil soma 153.214 óbitos e 5.200.300 casos do novo coronavírus.

Acompanhe a cobertura ao vivo, em tempo real:

pa, us na EurEm meio ao avanço do coronavíravírvír

Mais de El País

image beaconimage beaconimage beacon