Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

BH registra mais um dia de recorde de ocupação de leitos para COVID-19

Logotipo do(a) EM.com.br EM.com.br 5 dias atrás Larissa Ricci

Belo Horizonte já registrou 5.510 casos e 129 mortes por Covid-19. Já a taxa de ocupação de leitos está em 87% para UTIs Covid e 88% para demais UTIs © Tulio Santos/EM/D.A Press Belo Horizonte já registrou 5.510 casos e 129 mortes por Covid-19. Já a taxa de ocupação de leitos está em 87% para UTIs Covid e 88% para demais UTIs Belo Horizonte bateu o recorde de ocupação dos leitos de  Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para COVID-19 pelo quarto dia consecutivo. Segundo boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde nesta segunda-feira (29), 87% das UTIs, aquelas dedicadas a pacientes em estado grave da doença, estão em uso.

A capital mineira registrou 5.510 casos confirmados. Desses, 1.094 estão em acompanhamento – 129 pessoas morreram por causa do novo coronavírus na cidade.

Na sexta-feira, data do último boletim, eram 121 óbitos e 5.195 atestados positivos.

Conforme o boletim desta segunda-feira, a capital mineira tem 301 Unidades de Terapia Intensiva para a COVID-19. Esse índice coloca a capital na chamada “zona vermelha”. Isso ocorre quando o parâmetro ultrapassa a marca dos 70%.

Na sexta-feira (26), 86% dos leitos para COVID-19 estavam ocupados. Na quinta e na quarta-feira, eram 85%.

Considerando todos os leitos de terapia intensiva em Belo Horizonte (no total, são 990, incluindo não só aqueles dedicados à pandemia), a ocupação é de 88%.

Enfermarias

Conforme o balanço desta segunda-feira, com base em números apurados no dia anterior, a taxa de ocupação dos leitos de enfermaria para COVID-19 é de 71%. O total destinado para pacientes com a doença é de 798.

No contexto geral, isso é, os leitos de enfermaria para todas as doenças, a taxa de ocupação registrada na quarta é de 69%. São 4.523 unidades.

PBH deve aumentar número de leitos

A prefeitura está verificando com os hospitais 100% SUS a possibilidade da abertura imediata de novos leitos de UTI. 

Em junho, foram abertos pela secretaria 232 leitos COVID na Rede SUS/BH – 81 UTIs e 151 enfermarias. Somente na última semana, a Prefeitura de Belo Horizonte colocou em funcionamento desde a quinta-feira, dia 25, 74 novos leitos Covid – 19 UTIs e 55 enfermarias.

"Caso os índices de contaminação não sejam reduzidas, todos os esforços de abertura de novos leitos para o atendimento de pacientes podem não ser suficientes para o volume de pessoas que vai necessitar de assistência", informou, por meio de nota.

A Secretaria Municipal de Saúde destaca que, para conter a contaminação pelo novo coronavírus, é extremamente necessário que a população siga as medidas de prevenção como o uso de máscaras, distanciamento de 2 metros, isolamento social e higienização das mãos.

Mais de EM.com.br

image beaconimage beaconimage beacon