Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

iPhone 11 tem novo sistema de otimização para aumentar vida útil da bateria

Logotipo do(a) Canaltech Canaltech 23/09/2019 Claudio Yuge
iphone bateria © iFixit iphone bateria

O tema bateria sempre foi uma questão delicada em iPhones e, em 2017, ganhou um capítulo polêmico, quando a companhia admitiu usar um recurso de limitação de energia baseado em software. Nos aparelhos mais antigos, a Maçã sacrificava boa parte do desempenho para compensar o desgaste do tanque energético. Isso pegou mal porque, no final das contas, ela não deixava isso claro para o consumidor.

Agora, a própria Gigante de Cupertino faz questão de destacar e explicar o novo sistema de otimização de energia do iPhone 11. A nova estrutura é bem diferente dos telefones anteriores e usa uma combinação de hardware e software para evitar problemas de desempenho à medida que as cargas envelhecem. Mas isso não impede de causar certa lentidão no futuro.

(Imagem: Lojas Americanas) (Imagem: Lojas Americanas)

"Embora os impactos no desempenho sejam reduzidos o máximo possível, o envelhecimento da bateria ainda pode levar a efeitos visíveis, possivelmente temporários", diz o documento de suporte. A Apple cita "tempos mais longos de abertura de aplicativos, taxas de quadros mais baixas, taxa de transferência de dados sem fio reduzida, diminuição da luz de fundo ou menor volume do alto-falante", como possíveis resultados da diminuição da integridade da bateria.

Resultados a longo prazo

Para deixar claro, o recurso não se destina a manter a bateria do seu iPhone funcionando por mais tempo no curto prazo; essa é uma estratégia de longo prazo, para que a capacidade da bateria de um telefone permaneça a mais alta possível pelo maior tempo possível.

As novas baterias do iPhone podem durar dias, dependendo da frequência de uso de aplicativos que consomem muita energia. Contudo, após alguns anos, tendem a funcionar ininterruptamente somente um dia, ou às vezes muito menos. A Apple substitui um tanque antigo por um novo, ao custo de US$ 50 (R$ 207 na conversão direta) ou US$ 70 (R$ 290), dependendo do modelo do smartphone.

Fonte: Engadget  

Trending no Canaltech:

Vídeo: Marielle Franco é homenageada em Paris (AFP)

A SEGUIR
A SEGUIR

Mais de Canaltech

image beaconimage beaconimage beacon