Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

'Não existe crise econômica no Brasil', diz Temer em Hamburgo

Logotipo do(a) Estadão Estadão 07/07/2017 Célia Froufe, enviada especial
A SEGUIR
A SEGUIR

Vídeo: Líderes mundiais se reúnem no G-20; assista acima (Via EFE)

O presidente Michel Temer negou que exista crise econômica no País nesta sexta-feira, 7, ao chegar ao hotel Le Meridien, em Hamburgo, para participar da reunião da cúpula de líderes das 20 maiores economias do mundo, o G-20. "Crise econômica no Brasil não existe. Vocês têm visto os últimos dados", disse.

Quando os jornalistas que o aguardavam na frente do hotel às 6 horas da manhã no horário local (1 hora de Brasília) reforçaram a pergunta sobre o desempenho da atividade, questionando se não existia realmente uma crise econômica no País, Temer enfatizou: "Não, não. Pode levantar os dados e você verá que estamos crescendo no emprego, estamos crescendo na indústria, estamos crescendo no agronegócio. Lá não existe crise econômica", disse.

© Foto: Ludovic Marin/AFP

Quando perguntado sobre se a crise política atrapalhava o andamento da economia, o presidente já estava se dirigindo para dentro do hotel, mas virou o rosto para os jornalistas e disse "não", reforçando a negativa com o dedo.

Ao chegar ao local, Temer disse que estava preparado para participar da reunião dos Brics (reunião dos emergentes Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), que, segundo ele, visa ao desenvolvimento dos cinco países. "E de alguma maneira participar desta grande reunião, que é o G-20. Certamente, alguns temas fundamentais para os países componentes do grupo serão debatidos, entre eles, o meio ambiente."

Por volta das 10h30 da manhã (5h30 em Brasília), Temer chegou ao centro de eventos onde começa a reunião do G-20. Ele foi recebido pela chanceler alemã Angela Merkel, anfitriã do encontro, assim como os demais líderes mundiais que chegavam ao local. Nas ruas, a polícia contém manifestantes que tentam impedir o acesso à região.

Leia também no MSN Brasil:
Mercado espera primeira deflação em 11 anos
Brasil encolhe e vive seu pior momento no G20

Fique por dentro de tudo o que acontece com o App MSN Notícias
Faça o download para Windows, Windows Phone, Android e iOS.


Mais de Estadão

image beaconimage beaconimage beacon