Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Em Davos, Bolsonaro almoça sanduíche em restaurante popular de supermercado

Logotipo do(a) Estadão Estadão 22/01/2019 Jamil Chade, enviado especial
© Foto: Simon Hecker

São 3,5 mil participantes, mais de 300 eventos e 70 chefes de Estado e de governo. Mas o presidente Jair Bolsonaro optou por almoçar nesta terça-feira, 22, em um restaurante popular de um supermercado local, repleto de funcionários do “baixo clero” doFórum Econômico Mundial, em Davos. Bolsonaro estava sozinho durante o evento que é conhecido como um palco privilegiado para líderes fazerem contatos e se apresentarem ao mundo. 

Simon Hecker, um brasileiro que mora na Suíça, chegou a fazer um vídeo e fotos do presidente. “Ele estava tomando uma Coca e comendo sanduíche”, disse. “Eu estava almoçando quando, de repente, ele passou.”

A assessoria de imprensa do governo não revelou o destino de Bolsonaro quando ele deixou seu hotel para almoçar. Apenas insistiram que “não tinham a informação”.

Davos, conhecida como um dos locais mais luxuosos da Suíça, reserva a seus participantes alguns dos principais restaurantes da cidade. A opção, porém, foi por um cardápio diferente.

Depois do almoço, Bolsonaro retornou para o hotel, onde preparou seu discurso que ocorre às 12h30 no horário brasileiro.

Na rua, um grupo de brasileiros o aguardava com bandeiras do Brasil e camisetas com a imagem do presidente.

________

Vídeo: Em Davos, Bolsonaro busca mais investimentos ao país (Via AFP)

Repetir vídeo
A SEGUIR
1
Cancelar
A SEGUIR
A SEGUIR

Veja as notícias mais importantes do dia no seu celular com o app Microsoft Notícias. Disponível para iOS e Android. Baixe agora.

Mais de Estadão

image beaconimage beaconimage beacon