Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Aliado de Vladimir Putin ameaça Grã-Bretanha com destruição nuclear

Logotipo do(a) BANG ShowbizBANG Showbiz 23/06/2022 bangshowbiz.com
© Fornecido por BANG Showbiz

Um aliado do presidente da Rússia, Vladimir Putin, declarou que o Reino Unido "irá desaparecer do mapa" por seu envolvimento no bloqueio sobre Kaliningrado.

O general aposentado Evgeny Buzhinsky afirmou, durante entrevista concedida à TV estatal da Rússia, que os países do Ocidente estão "jogando um jogo perigoso" com o novo bloqueio a embarques ferroviários para Kaliningrado - exclave russo localizado entre a Polônia e a Lituânia - com o objetivo de impedir que mercadorias sancionadas sejam enviadas à cidade através da Lituânia, um Estado-Membro da OTAN.

Durante sua aparição na televisão, Buzhinsky atacou o Chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas britânicas, Patrick Sanders, que pediu aos soldados do Reino Unido que se preparassem para derrotar as tropas russas.

Buzhinsky ameaçou: "Ele não entende que, como resultado de uma Terceira Guerra Mundial, a Grã-Bretanha deixará de existir fisicamente... A ilha desaparecerá, então não tenho ideia de onde ele ou seus descendentes viverão".

Em sua mensagem às tropas, o general britânico havia declarado: "Sou o primeiro chefe do Estado-Maior desde 1941 a assumir o comando do Exército ante a uma guerra terrestre na Europa envolvendo uma potência continental. O nível de ameaça incessante da Rússia comprova que entramos em uma nova era de insegurança. É meu dever primordial tornar nosso Exército o mais letal e eficaz possível. A hora é agora e a oportunidade é nossa".

Em relação à situação em Kaliningrado, Buzhinsky acredita que Putin deveria mover ogivas nucleares para exercer pressão.

"Devemos mover nossas armas nucleares para Kaliningrado. [O bloqueio] é uma tentativa de isolar Kaliningrado e retirá-la de nós".

image beaconimage beaconimage beacon