Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Ataques a mesquistas deixam mortos na Nova Zelândia

Logotipo do(a) Exame.com Exame.com 5 dias atrás Da Redação, com Estadão Conteúdo
Serviços de emergência prestam socorro às vítimas do massacre em mesquita na Nova Zelândia © TVNZ Serviços de emergência prestam socorro às vítimas do massacre em mesquita na Nova Zelândia

Duas mesquitas em Christchurch, terceira maior cidade da Nova Zelândia, sofreram ataques a tiros nesta sexta-feira (15), deixando ao menos 40 mortos. A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Arden, afirmou que esta sexta “é um dos dias mais sombrios” da história do país. As autoridades locais pediram que as pessoas não saiam às ruas. 

Um homem vestido de preto foi visto entrando na Masjid Al Noor por volta das 13h45, e logo depois várias rajadas de tiros foram ouvidas. Muitas pessoas correram para fora do local.

Na mesquita Linwood Masjid, que fica em um subúrbio de Christchurch, cinco tiros foram ouvidos, e há relatos de ao menos dois feridos.

O perfil oficial da polícia da Nova Zelândia no Twitter está postando atualizações frequentes sobre os ataques. Em uma das postagens, a polícia afirma que “está fazendo o possível para resolver o caso”.

Segundo relatos da internet, o assassino transmitiu os ataques ao vivo em suas redes sociais. A polícia afirmou estar trabalhando para que qualquer publicação do tipo seja deletada e pediu para que o link não seja compartilhado.

_______________________

Vídeo: Motivação de ataques em Suzano está sob investigação (Via AFP)

A SEGUIR
A SEGUIR

Veja as notícias mais importantes do dia no seu celular com o app Microsoft Notícias. Disponível para iOS e Android. Baixe agora.

Mais de Exame.com

image beaconimage beaconimage beacon