Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Trump condena "ódio" após protestos violentos na Virgínia

Logotipo do(a) Reuters Reuters 12/08/2017

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, condenou neste sábado a violência que entrou em erupção entre nacionalistas brancos e contra-manifestantes em Charlottesville, Virgínia.

"Nós devemos TODOS estar unidos e condenar tudo o que representa o ódio", escreveu Trump em mensagem do Twitter. "Não há lugar para esse tipo de violência na América".

Funcionários aprovaram a marcha de protesto no centro de Charlottesville, mas cancelaram o evento e declararam o estado de emergência após surtos de violência.

Nacionalistas brancos confrontaram manifestantes opositores em Charlottesville antes de um evento para protestar contra a remoção de uma estátua de um general confederado que os críticos dizem que glorifica a era da escravidão.

Vídeo: Homem atropela manifestantes nos EUA (Via BBC Brasil)

A SEGUIR
A SEGUIR

Vídeo: Trump diz que não descarta 'opção militar' na Venezuela (Via EFE )

A SEGUIR
A SEGUIR

Vídeo: Trump rebate Coreia do Norte: 'Soluções militares prontas' (Via Veja)

A SEGUIR
A SEGUIR
Leia também no MSN Brasil:
EUA: marcha da direita radical termina em morte
Homem atropela manifestantes nos EUA
Mercosul rejeita uso da força contra a Venezuela

Fique por dentro de tudo o que acontece com o App MSN Notícias
Faça o download para Windows, Windows Phone, Android e iOS.

Mais de Reuters

image beaconimage beaconimage beacon