Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

AO VIVO | STF decide julgar recursos de Lula nesta terça

Logotipo do(a) EL PAÍS EL PAÍS 25/06/2019 El País
Ex-presidente Lula, que está preso desde abril de 2018 em Curitiba. © Isabela Lavane Ex-presidente Lula, que está preso desde abril de 2018 em Curitiba.

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu manter o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva preso nesta terça. Por 3 votos a 2, os ministros decidiriam que o petista deverá ficar preso até que seja julgada a análise sobre a suspeição do juiz Sergio Moro no caso. Edson Fachin, Carmen Lúcia e Celso de Mello foram contra o pedido da defesa, enquanto Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski decidiram pela liberdade de Lula. 

A Segunda turma já havia negado mais cedo o primeiro dos dois habeas corpus pedidos pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nesta terça. Por 4 votos contra a defesa e 1 a favor, o STF não aceitou o pedido que questionava a atuação do relator da Lava Jato no STJ, ministro Felix Fischer.

Lula está preso há mais de 400 dias, condenado por corrupção no âmbito da Operação Lava Jato. Esta é a primeira vez que os cinco ministros da Corte que formam a Segunda Turma analisaram o caso de Lula em meio à crise provocada pela publicação, pelo The Intercept Brasil, de mensagens trocadas entre o então juiz Sergio Moro e os acusadores do petista. A equipe legal do ex-presidente havia pedido que os diálogos fossem incluídos para reforçar seus argumentos de que Moro havia sido parcial e que, por isso, seu julgamento deveria ser anulado.

Acompanhe AO VIVO o julgamento dos recursos de Lula no STF:

Mais de El País

image beaconimage beaconimage beacon