Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Carlos Bolsonaro e Major Olímpio trocam farpas no Twitter

Logotipo do(a) Poder360 Poder360 6 dias atrás Poder360
Major Olímpio e Carlos Bolsonaro brigaram pelo Twitter © Fotos: Sergio Lima/Poder360 Major Olímpio e Carlos Bolsonaro brigaram pelo Twitter

O vereador do Rio de Janeiro Carlos Bolsonaro (PSC) e o líder do PSL no Senado, Major Olímpio (PSL-SP), trocaram farpas no Twitter nesta 3ª feira (8.out.2019). O filho 02 do presidente Jair Bolsonaro acusou o senador de tratar mal o seu pai.

“Fico estarrecido da (sic) maneira como este senhor trata o Presidente hoje! Ninguém é imune à (sic) críticas, mas meu Deus! É surreal!”, publicou Carlos na sua conta.

Olímpio retrucou, dizendo que “ninguém do Senado defende mais” Bolsonaro e o governo do que ele. “Tds [todas] as discordâncias são em relação a (sic) gestão dentro do PSL em SP e na bancada do senado (sic)”, escreveu. Veja a discussão:

© Reprodução/Twitter © Reprodução/Twitter

O bate-boca aconteceu depois de Olímpio repercutir fala do presidente sobre o PSL. De manhã, Bolsonaro falou para 1 apoiador “esquecer” o partido e o seu presidente nacional, Luciano Bivar. “O cara [Bivar] está queimado para caramba lá. Vai queimar o meu filme também, entendeu? Esquece esse cara, esquece o partido”, cochichou Bolsonaro a Diogo Araújo, 19 anos, do PSL jovem.

O líder do PSL no Senado disse que ficou “perplexo” com o episódio e que conversou com Bivar, com o vice-presidente do partido Julian Lemos e com o  ministro da Secretaria de Governo, general Luiz Eduardo Ramos, para entender a intenção dele. “Eu não sei a motivação oficial do presidente, só o presidente pode esclarece a manifestação dele”, afirmou.

Olímpio vem tecendo críticas a algumas decisões de Bolsonaro e ao seu filho mais velho, o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ). Nesta 2ª feira (7.out), em entrevista ao jornal Broadcast –sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado–, ele disse que Flavio “não existe” mais para ele.

Segundo Olímpio, a posição de Flávio não representa o governo nem o PSL. “O pai dele ganhou a eleição dizendo que seria intransigente no combate à corrupção dentro de qualquer 1 dos Poderes, inclusive do Judiciário”, disse. “Estou defendendo a CPI, estou me mobilizando por ela, porque é necessária”, completou.
_________________________

Vídeo: Gilmar Mendes fala sobre mensagens da 'Vaza Jato' (TV Cultura)

Repetir vídeo
A SEGUIR
1
Cancelar
A SEGUIR
A SEGUIR

Mais de Poder360

image beaconimage beaconimage beacon