Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Petição do Partido Novo contra aumentos do STF supera 850 mil assinaturas

Logotipo do(a) Exame.com Exame.com 6 dias atrás João Pedro Caleiro
Congresso Nacional: votar é apenas uma pequena parte das tarefas dos representantes eleitos © Marcos Oliveira Congresso Nacional: votar é apenas uma pequena parte das tarefas dos representantes eleitos

Na noite desta quarta-feira (07), o Senado Federal aprovou o aumento dos salários dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) dos R$ 33 mil para R$ 39 mil.

Como esta é a referência de teto de salário para todo o serviço público, a medida tem efeito cascata sobre as contas públicas que pode superar R$ 4 bilhões só em 2019, de acordo com consultorias do Legislativo.

Foram 41 votos a favor e 16 contrários, além de uma abstenção, e a matéria segue agora para sanção ou veto do presidente Michel Temer.

Uma petição do Partido Novo foi criada quase de imediato no site Change para pressionar Temer a barrar a proposta.

“Isso causa um efeito cascata e retroativo que o Brasil não suporta mais, com graves consequências posteriores para estados e municípios, muitos já em situação de calamidade financeira”, diz o texto.

A meta é chegar a 1 milhão de assinaturas e até o início da tarde desta quinta-feira (07), mais de 850 mil pessoas já haviam assinado.

“Chega de pagar a conta da velha política. O momento é de responsabilidade fiscal”, diz o título. A campanha pede o uso da hashtag #AumentoNão nas redes sociais.

________

Vídeo: Temer convida Bolsonaro para ir ao exterior (Via AFP)

A SEGUIR
A SEGUIR

Mais de Exame.com

image beaconimage beaconimage beacon