Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

Logotipo do(a) Revista Menu Revista Menu 16/09/2020 Pedro Marques

da redação da Menu

Controlar o nervosismo foi o maior obstáculo do administrador de empresas Salvador Cordovil, de 58 anos, vencedor do 10º episódio do MasterChef Brasil 2020.

+Luísa Sonza revela suas comidas preferidas no MasterChef Brasil

+Influencer se emociona ao vencer episódio do MasterChef

+MasterChef: fãs criticam nervosismo de Ana Paula Padrão

Cozinheiro amador há 35 anos, o administrador imaginava que teria boas chances no reality show. Ao ser selecionado, porém, Cordovil se sentiu pressionado e quase desistiu de participar do programa.

“Fiquei muito tenso e disse que não queria mais. Tinha medo de me expor e de passar vergonha”, disse Cordovil ao Portal da Band. Foi graças à insistência da família que o cozinheiro amador não abandonou a gravações.

Felizmente, tudo correu bem para ele. Na primeira prova, o administrador preparou uma parmegiana, prato preferido do cantor Nando Reis e se classificou para a segunda etapa. Foi na final, porém, que Cordovil brilhou. Seu peixe na crosta de sal, servido com arroz de amêndoas e molho siciliano, agradou a todos os jurados.

Apesar de ter sido demitido durante a pandemia de coronavírus, o administrador anunciou que doaria o prêmio de R$ 5 mil – ele ainda não revelou qual instituição de caridade receberá o valor.

“Não entrei no programa pelo dinheiro. É claro que ele seria importante porque não estou trabalhando e não tenho uma reserva financeira, mas tem gente que está passando por uma situação ainda mais delicada do que a minha e é preciso ajudar quem precisa”, afirmou Cordovil.

No momento, o plano mais importante do vencedor do 10º episódio do MasterChef é se dedicar à gastronomia. “Quero começar a pensar de forma profissional, estudar, melhorar as minhas habilidades e transformar isso em algo que me dê prazer emocional e me sustente”, disse.

Mais de Revista Menu

image beaconimage beaconimage beacon