Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Benefícios das atividades físicas no tratamento contra o câncer

Logotipo do(a) Sport Life Brasil Sport Life Brasil 06/12/2018 Eduarda Souza
Benefícios das atividades físicas no tratamento contra o câncer Benefícios das atividades físicas no tratamento contra o câncer

Baixe o app Microsoft Notícias e fique atualizado sobre as notícias mais importantes para você. Disponível para iOS e Android.

Sabemos que a prática regular de atividades físicas auxilia na manutenção de uma vida saudável. Além disso, análises recentes apontaram os benefícios do exercício contra o câncer de mama. Instituições de pesquisa brasileiras realizaram, em parceria com o Ministério da Saúde, um estudo que constatou que 12% das mortes causadas por câncer de mama no Brasil poderiam ser evitadas com a prática de atividades físicas regularmente. Saiba mais sobre o assunto!

Benefícios do exercício contra o câncer

Exercícios físicos auxiliam no controle da produção de hormônios femininos, entre eles o estrogênio. Essa substância está ligada ao câncer de mama, pois estimula e multiplica as células nos seios. Se alguma delas tiver uma anomalia, o excesso do hormônio favorece a replicação celular, desencadeando o tumor do órgão.

O tempo ideal estipulado pelos cientistas para dedicar à prática de atividades é de 150 minutos por semana, que podem ser divididos de acordo com a disponibilidade da pessoa (30 minutos por dia durante 5 dias na semana, por exemplo). O hábito contribui para o fortalecimento da imunidade e para amenizar a inflamação do organismo, tornando-se um aliado no combate à enfermidade, já que os exercícios equilibram a produção de estrogênio. Outro benefício é a diminuição da formação de leptina, substância encontrada no corpo que, se produzida em excesso, pode provocar câncer na pós-menopausa.

A edição de 2017 da Pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel) informou que pouco mais de 13% das mulheres que moram em capitais brasileiras são sedentárias no tempo livre. O estudo também aponta que 51,3% da população feminina se exercita menos do que deveria. Ou seja: menos da metade desse público pratica a quantia adequada de atividades por semana.

( © Reprodução/Pexels (

Tenha mais energia e disposição com o Viva Leve. A gente garante: seu corpo e bolso agradecem!

Texto: Eduarda Souza/Colaboradora.

__________________________________________________________

Mais no MSN:

Estresse pode atrapalhar sua rotina e também sua saúde bucal

Mais de Sport Life Brasil

Sport Life Brasil
Sport Life Brasil
image beaconimage beaconimage beacon