Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

“Quando posso furar a orelha e colocar o brinco numa bebê?”

Logotipo do(a) Bebê Bebê 19/04/2017 Laís de Andrade
bebe-de-brinco © image/jpeg bebe-de-brinco

“Quando devo furar a orelhinha da minha filha para colocar o brinco? E quais cuidados devo tomar?”

Não existe um consenso sobre o momento ideal para fazer o furo. Alguns pediatras dizem para furar o quanto antes, outros pedem para esperar as vacinas ou até o bebê completar 3 meses de vida. Acredito que o melhor momento é quando os pais estão prontos e o lóbulo tem tamanho adequado para comportar um brinco. Contraindico furar em bebês que ainda não tenham atingido 3,5 kg e em prematuros.

O ideal é aguardar alguns meses para que o formato do lóbulo e o peso estejam adequados. Na hora da colocação, é importante que os pais fiquem atentos à posição em que a orelhinha será furada. O indicado é um pouco acima do centro do lóbulo para que, posteriormente, quando se coloque um brinco grande ou pesado, não rasgue ou mude o formato do furo.

O acessório deve ser feito de aço cirúrgico, pois é um material antialérgico – o que minimiza posteriores inflamações. Brincos esterilizados também são um cuidado a mais por terem menor risco de infecção. Depois que o furo for feito, é essencial limpar o local com álcool 70% (o mesmo utilizado para higienizar o coto umbilical) após o banho e girar o brinquinho uma vez ao dia. Fique alerta a possíveis sinais, como vermelhidão, dor, coceira, inchaço local, saída de líquidos claros ou secreção, que podem indicar alguma inflamação”, explica Cinthia Calsinski, enfermeira obstetra e consultora domiciliar.

Mande também a sua pergunta para o BEBÊ RESPONDE nos comentários! 

Mais de Bebê

image beaconimage beaconimage beacon