Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Coronavírus não se propaga facilmente pelo toque na superfície dos objetos

Logotipo do(a) VEJA.com VEJA.com 6 dias atrás Da Redação
© divulgação/Divulgação

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC) afirmou em uma recomendação que, apesar de ser possível se infectar encostando em algum local contaminado, o vírus não se propaga facilmente dessa maneira.

“A Covid-19 é uma nova doença e ainda estamos aprendendo sobre a forma como ela se espalha. Pode ser possível pegar a Covid-19 de outras formas, mas encostar em superfícies contaminadas não é a principal forma de propagação do vírus”, afirmou o comunicado.

O CDC alertou que as pessoas devem tomar cuidado com o contato com outros, mesmo aqueles que não tenham sintomas, pois essa é a principal forma de contágio do vírus. A entidade fez as mesmas recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) para praticar o isolamento social, respeitando a distância de pelo menos um metro e meio, lavar as mãos com água e sabão e limpar e desinfectar áreas frequentemente tocadas.

O CDC afirma ainda que o contágio por meio de caixas que chegam pelo correio é altamente improvável por causa da baixa capacidade de sobrevivência do vírus nas superfícies. Porém, é preciso ter cautela. Os estudos recentes mostram que o novo coronavírus pode sobreviver em objetos por até três dias, além de poder infectar alguém se ficar por até três horas suspenso no ar.

Vídeo: Câmeras especiais mostram a eficácia das máscaras (KameraOne)

Repetir vídeo
A SEGUIR
1
Cancelar
A SEGUIR
A SEGUIR

Mais de Veja.com

image beaconimage beaconimage beacon