Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Grávida aos 41, Patrícia Abravanel exibe barriguinha: gestação tardia pede cuidados?

Logotipo do(a) Vix Vix 12/10/2018 Letícia Leite

View this post on Instagram

Em Abril de 2019 vai ter mais um menininhooo na família!!! Feliz demais !! A post shared by Patricia Abravanel (@patriciaabravanel) on Oct 9, 2018 at 10:31am PDT

Patricia Abravanel revelou que está grávida pela terceira vez. O novo herdeiro, um menininho, é fruto de seu relacionamento com o deputado federal Fábio Faria e está previsto para vir ao mundo em abril de 2019.

Mãe dos pequenos Pedro, de quatro anos, e de Jane, de apenas dez meses, recentemente a apresentadora foi clicada em um dos seus primeiros looks após anunciar a gestação, no qual já foi possível notar sua discreta barriguinha.

Além de ter engravidado novamente em um curto período após o parto de sua até então filha caçula, outro detalhe que chama atenção na vida materna da filha de Silvio Santos é a gravidez tardia, visto que ela já possui 41 anos.

Mas afinal, engravidar após os 40 anos traz riscos para a mãe e para o bebê, ou pede cuidados especiais? Entenda:

Gravidez após os 40 anos: há riscos?

Look de Patricia Abravanel com © Gabriel Cardoso/SBT Look de Patricia Abravanel com

Segundo o ginecologista Armindo Dias Teixeira, especialista em reprodução assistida, após os 40 anos as mulheres têm apenas 30% de chance de engravidar naturalmente, visto que sua fertilidade passa a cair a partir dos 35 anos, devido a redução da quantidade e a qualidade de seus óvulos.

Assim, no caso da escolha pela maternidade tardia, recomenda-se que os pais busquem orientação médica na tentativa de preservar a fertilidade do casal.

Diante deste cenário, apesar de ser mais difícil, a gestação tardia pode acontecer e requer atenção especial, visto que é considerada pelos especialistas como uma gravidez de risco, pois têm maior possibilidade de desenvolver doenças como hipertensão, diabetes e hipotireoidismo.

"Ainda pode haver cromossomopatias, como Síndrome de Down, e problemas como nascimento prematuro, retardo de crescimento, complicações no parto, placenta prévia e rotura prematura de membranas", explica o ginecologista Eddy Nishimura, do Hospital Santa Cruz de São Paulo.

Cuidados na gravidez tardia

View this post on Instagram

Assim que a Jane nasceu falei para o médico que estaria de volta no próximo ano, falei em fé, externando um desejo do meu coração. Confesso que na minha mente as vezes vinha uns pensamentos que isso não aconteceria e ate aquele friozinho na barriga de começar tudo de novo. Mas colocava essa vontade nas minhas orações e claro que treinava sem tomar cuidado né?! Quando a Jane estava com 6 meses, Deus com todo seu amor e generosidade me abençoou novamente!! Estou grávida do meu terceiro filho!!! Sim vou ser mamãe de 3!!! A post shared by Patricia Abravanel (@patriciaabravanel) on Oct 9, 2018 at 10:29am PDT

Para garantir uma gestação mais tranquila após os 40 anos, é fundamental que as mamães mantenham seus exames periódicos e o pré-natal em dia, pois nesta idade elas podem sofrer com mais problemas de saúde, além de também serem maiores os casos de partos prematuros e de nascimentos de bebês abaixo do peso.

De acordo com o quadro de cada gestante, avaliado por seu obstetra, também pode haver outras recomendações durante a gravidez, como repouso, sempre visando a saúde e o bem-estar da mãe e do feto.

Cuidados na gestação

Exercício feito por Isis Valverde na gestação traz muitos benefícios

Por que marca na barriga de grávida de Thyane só apareceu na reta final?

Grávida, forma como Mayra Cardi se deitou na cama impressiona

Grávida aos 41, Patrícia Abravanel exibe barriguinha: gestação tardia pede cuidados? © Fornecido por Batanga Media Difusão pela Internet LTDA Grávida aos 41, Patrícia Abravanel exibe barriguinha: gestação tardia pede cuidados?

Mais de Vix

image beaconimage beaconimage beacon