Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Alimentação equilibrada: como começar?

Logotipo do(a) Sua Dieta Sua Dieta 17/07/2014 Sua Dieta
Photo: Alimentação equilibrada: como começar? © Robert Kneschke - Fotolia.com Alimentação equilibrada: como começar?

Alimentação equilibrada: como começar?

Mais do que emagrecer, a escolha certa dos alimentos faz com que alcancemos algo mais importante: qualidade de vida. Manter um cardápio balanceado é o primeiro passo para viver bem, longe de doenças e com disposição para superar qualquer dificuldade! Mas, afinal, em que consiste uma alimentação equilibrada?

Para a Dra. Lorença Dalcanale, nutricionista do "Centro de Cirurgia Obesidade e Metabólica" e Mestre em Ciências da Saúde em Gastroenterologia Clínica: "Uma boa alimentação é importante para todas as pessoas, pois é a partir dos alimentos que o organismo retira os nutrientes indispensáveis para seu crescimento e desenvolvimento, manutenção de tecidos, resistência às doenças, entre outros aspectos". Confira!

1 - Qual o conceito de uma alimentação equilibrada?

Uma alimentação saudável é aquela que respeita três regras fundamentais:

Variedade: não existe um alimento que contenha todos os nutrientes necessários para uma boa saúde. Portanto, devemos variar ao máximo os alimentos, para que o organismo possa absorver os mais diversos nutrientes;

Moderação: todos os alimentos podem ser consumidos, desde que com muita moderação. É primordial uma boa distribuição entre os grupos de alimentos: carboidratos, proteínas e gorduras;

Qualidade: significa comer mais alimentos que contêm vitaminas, minerais e fibras, como frutas e verduras, e diminuir o consumo dos que possuem calorias "vazias", como biscoitos, e refrigerantes.

 
2 - Qual a quantidade correta de consumo de proteína, gordura e carboidrato em cada uma das refeições para manter uma dieta saudável?

Não existe uma quantidade ideal de carboidratos, proteínas e gorduras por refeição. O ideal é que a alimentação do dia respeite uma distribuição de 60% de carboidratos, 10 a 15% de proteínas e, no máximo, 20% de gorduras, distribuídos de forma equilibrada em 5 a 6 refeições por dia.

3 - O consumo de alimentos diet e/ou light ajudam na dieta equilibrada e saudável? Qual é o limite?

Sem dúvida os alimentos diet e light ajudam a equilibrar a dieta, especialmente os light que, em geral, apresentam uma redução de açúcares e gorduras e não só de sacarose como nos produtos diet. O ideal é que se tenha bom senso no consumo de adoçantes, pois tudo que é em exagero pode trazer algum malefício ao organismo.

4 - Dizem que um prato saudável deve ser colorido. É verdade? Como uma pessoa pode montar uma refeição saudável?

Quanto mais colorido e variado for o prato maior será a gama de vitaminas. Uma boa maneira de equilibrar a montagem da refeição é dividi-la em três partes iguais: uma deve conter saladas verde e legumes, outra parte deve conter os carboidratos e a terceira uma porção de proteína, tudo isso regado em pouco azeite (1 colher de sobremesa) e pouco sal.

5 - Por que as conversas durante as refeições podem atrapalhar?

Este hábito distrai a pessoa, que não presta atenção ao que come. Isso implica em maior consumo de alimentos, sem ter a noção exata da quantidade ingerida. As conversas também atrapalham a mastigação, o que pode dificultar tanto a digestão como gerar a formação de gases, porque a pessoa come, fala e engole mais ar. Tudo isso influencia negativamente no processo de fome e saciedade.


Mais de Sua Dieta

image beaconimage beaconimage beacon