Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Mantenha sua mente em forma

Logotipo do(a) Sua Dieta Sua Dieta 17/07/2014 Sua Dieta
Photo: Mantenha sua mente em forma © Alliance - Fotolia.com Mantenha sua mente em forma

Mantenha sua mente em forma

Você costuma exercitar a sua mente? De que forma faz isso? Pelo que se sabe, o cérebro é como um músculo: quanto mais se usa, melhor fica. Mas, para explorar todo o seu poder e mantê-lo saudável, precisamos garantir que suas células estejam sempre em atividade. Uma maneira de fazer isso é desafiar sistematicamente a si próprio, tentando adquirir novas habilidades. Aprender a tocar um instrumento musical ou estudar idiomas são boas opções para começar. Confira a seguir outras maneiras, comprovadas pela ciência, que podem ajudar você a manter a mente afiada:

Mexa-se!
Cientistas acreditam que exercício físico pode ser a coisa mais importante para a manutenção de um cérebro ativo e saudável. Segundo eles, o ideal é, no mínimo, meia hora de atividades todos os dias. Doenças como diabetes do tipo II, obesidade e hipertensão, estão conectadas com falhas no sistema cognitivo de nossos cérebros, mas ainda podem ser prevenidas. Cuide da saúde física se quiser que a saúde mental também esteja bem.

Provoque seu cérebro 
Assim como o coração, o cérebro precisa de oxigênio e de fluxo sanguíneo contínuo. Permita que a sua mente seja oxigenada com novos pensamentos e práticas para que funcione melhor. Criar o hábito de montar quebra-cabeças ou fazer palavras cruzadas é um ótimo desafio para o cérebro. Mesmo que ainda não esteja cientificamente comprovado, quanto mais você tenta aprender, menores são suas chances de ter um cérebro "lento" na velhice. 

Relaxe! 
O estresse pode ser um grande inimigo de uma mente saudável e ágil. Ele faz com que substâncias químicas nocivas ajam sobre áreas do cérebro envolvidas na memória. Alguns cientistas suspeitam que um estilo de vida balanceado, com atividades relaxantes, como yoga e artesanato, podem reduzir o estresse e retardar a perda de memória típica da velhice.
 
Tome um cafezinho de vez em quando 
A substância aumenta a capacidade cognitiva e seus consumidores têm menos chance de desenvolver o Mal de Alzheimer. Na verdade, ainda não está claro se os benefícios vêm da cafeína ou de outros antioxidantes presentes no café ? mas os cientistas confirmam que é sempre bom tomar o cafezinho, seja no trabalho ou em casa.

Durma bem
Quando dormimos e sonhamos, as memórias são selecionadas. Algumas são descartadas e outras ficam em nossa lembrança. Quando não dormimos, ou quando não dormimos bem, proteínas bloqueiam parte dos neurônios responsáveis pela associação das lembranças e fica mais difícil aprender novas coisas e até mesmo pensar.

Observe sua dieta 
Tanto muitas quanto poucas calorias podem atrapalhar as funções básicas de seu cérebro. Dietas extremas podem levar a distração, confusão e perda de memória. É preciso manter um ritmo normal na digestão, para que a energia transmitida ao cérebro seja a mais constante possível. Carne de peixe, por exemplo, contem ácidos graxos essenciais, como ômega 3, extremamente necessários para o desenvolvimento cognitivo.

Mais de Sua Dieta

image beaconimage beaconimage beacon