Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Saiba diferenciar Bruxismo e Disfunção da Articulação Temporomandibular

16/08/2014 Por Redação

Por terem sintomas similares, é fácil confundí-los - Roger Costa Morera, Shutterstock

Para muitas pessoas, o bruxismo, um ranger ou um forte apertar dos dentes durante o sono, é um hábito inconsciente. Além dos dentes gastos e esmalte rachado, outros sintomas são dor na face, na cabeça e no pescoço. Eventualmente, o bruxismo pode acarretar a destruição do osso circunvizinho e do tecido da gengiva. O especialista em Implantodontia, Miguel Angelo Rodrigues, explica que o Bruxismo pode causar a Disfunção da Articulação Temporomandibular (D-ATM).

Não existe cura para o Bruxismo, mas o tratamento adequado melhora a qualidade de vida do paciente. Com base no grau dos danos causados a seus dentes e a causa provável, o dentista poderá sugerir: - O uso de um dispositivo quando dormir, feito sob medida que encaixa-se sobre os dentes superiores e os protege de se triturarem com os dentes inferiores; - Encontrar meios de relaxamento, como ouvir música, fazer um passeio ou realizar sua atividade favorita são maneiras de diminuir a tensão e a ansiedade, que contribuem para o desenvolvimento do bruxismo. - Procurar alguma terapia auxiliará no aprendizado de medidas eficazes de controlar situações estressantes; - Uso do aparelho ortodôntico, caso o paciente tenha problema na mordida.

Já a D-ATM é uma alteração da articulação que liga o maxilar à mandíbula. Essa articulação é uma das mais complexas do corpo humano, responsável por mover a mandíbula para frente, para trás e para os lados. Os sintomas mais comuns de D-ATM são dores de cabeça e de ouvido, sensação de desencaixe ao abrir ou fechar a boca, dor e pressão atrás dos olhos, mandíbulas que "ficam presas", travam ou saem do lugar e uma brusca mudança no modo em que os dentes superiores e inferiores se encaixam. Rodrigues destaca que é possível resolver a D-ATM através de implante de dentes ou com o uso de aparelho ortodôntico. Outros tratamentos indicados são: - Tentar eliminar a dor e o espasmo muscular através da aplicação de calor úmido ou através de medicamentos como relaxante muscular, aspirina ou outros analgésicos comuns, ou ainda anti-inflamatórios; - Tratando o Bruxismo; - Quando partes da mandíbula são afetadas e os tratamentos não surtiram efeito, uma cirurgia na articulação pode ser recomendada.

image beaconimage beaconimage beacon