Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Tratamento a laser combate falta de libido na menopausa

Logotipo do(a) Sua Dieta Sua Dieta 17/07/2014 Sua Dieta
Photo: Tratamento a laser combate falta de libido na menopausa © Rido - Fotolia.com Tratamento a laser combate falta de libido na menopausa

Tratamento a laser combate falta de libido na menopausa

Um dos efeitos da chegada à terceira idade é a perda da libido. Segundo estudos, a falta de sensibilidade na região pubiana é que causa tal fato. Mas, com o aumento da expectativa de vida, mesmo entrando na menopausa por volta dos 50, as mulheres mantêm uma vida sexual ativa até cerca de 70 anos.

E para quem não é muito a favor da reposição hormonal, uma boa notícia! Um tratamento à base de laser promete movimentar a vida sexual na terceira idade. Ele usa um tipo de laser de CO2 fracionado, que recupera a elasticidade, a espessura e a umidade da vagina, sintomas da atrofia vaginal. Tal distúrbio causa o afinamento da mucosa da vagina e a diminui a lubrificação, o que torna a atividade sexual insatisfatória.

"Infelizmente a atrofia vaginal é uma condição subestimada e um tabu que pode trazer sofrimento. É fundamental que as mulheres procurem orientação médica para se informar a respeito das opções de tratamento", opina a ginecologista Vera Lucia da Cruz, professora da Faculdade de Medicina do ABC (SP).
Diferente da terapia hormonal, com restrições em alguns casos; devido ao aumento do risco em câncer ginecológico, o novo laser requer poucas aplicações que podem ser realizadas após avaliação e indicação do ginecologista.

Tire algumas dúvidas!

1 - A partir de que idade a paciente pode optar pelo tratamento a laser? 
A partir do momento que sentir os sintomas da atrofia vaginal, da menopausa. Antes, porém, são necessárias avaliação e indicação do ginecologista.
2 - Como é a aplicação? Pode doer? 
Não dura mais que 15 minutos, é feita no consultório do ginecologista. É indolor, mas se a paciente preferir pode ser usado um anestésico tópico. Ocorre uma leve sensação de calor somente.
3 - Em média, quantas sessões são necessárias? 
De 1 a 3, dependendo de cada caso.
4 - Como é o pós-aplicação? 
A paciente não deve ter relações por 15 dias.
5 - Quem não pode fazer? 
Mulheres grávidas, que tenham doenças contagiosas (DSTs, HPV), mudanças de citologia no último Papa Nicolau, inflamações da vulva ou doenças relacionadas à coagulação sanguínea.

Dados da menopausa

• 13,5 milhões de brasileiras estão na menopausa, segundo estimativa do IBGE.
• De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), até 2030, 1 bilhão de mulheres estarão no climatério.
• A média de início da menopausa gira em torno de 50 anos em decorrência da exaustão da reserva de folículos ovarianos.
• Sintomas: irregularidade menstrual até interrupção da menstruação, ondas de calor, sudorese, palpitações, insônia, irritabilidade, depressão, atrofia vaginal.

Mais de Sua Dieta

image beaconimage beaconimage beacon