Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Reconhecimento facial vai substituir passaporte na Austrália

Logotipo do(a) Superinteressante Superinteressante 26/01/2017 Pâmela Carbonari
passaporte-australia © image/jpeg passaporte-australia

Quando você for viajar para a Austrália em um futuro próximo, não será preciso mostrar o seu passaporte. Sua identificação será feita por um sistema de reconhecimento facial, que também analisa a sua íris e impressão digital.

Em 2020, o governo australiano almeja que 90% dos viajantes tenham essa experiência, que deve agilizar o fluxo nos aeroportos, bem como eliminar a necessidade de atendimento humano. Se tudo ocorrer como planejado, o país será o primeiro a implementar esse sistema de autenticação biométrica.

Ao jornalSydney Morning Herald, John Coyne, chefe de segurança de fronteiras no Instituto Australiano de Política Estratégica, disse que a ideia é que os passageiros possam chegar ao país e sair do aeroporto como se estivessem em um voo doméstico.

O projeto deve ser implementado primeiramente no aeroporto de Canberra, seguido pelo de Sidney ou pelo de Melbourne. Os testes estão previstos para julho deste ano e o sistema começará a funcionar em março de 2019.

Em 2015, uma lei controversa foi aprovada na Austrália para permitir a coleta de dados de cidadãos e menores de idade em aeroportos, como impressões digitais e imagens de íris, com o objetivo de minimizar problemas relacionados ao terrorismo. Os dados coletados serão usados no sistema de reconhecimento de viajantes.

Este conteúdo foi originalmente publicado em Exame.com

Este recurso não tem suporte na versão do seu navegador. Recomendamos atualizar para a versão mais recente do Internet Explorer para usá-lo.

Mais de Super

Superinteressante
Superinteressante
image beaconimage beaconimage beacon