Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Bryan Ruiz explica tudo: o pedido para treinar e a esperança para janeiro

Logótipo de O Jogo O Jogo 23/09/2017 Hugo Monteiro

Sem contas para Jorge Jesus, Bryan Ruiz explicou no site oficial o momento pelo qual passa.

Fora das opções de Jorge Jesus e sem treinar junto do plantel do Sporting, Bryan Ruiz deixou uma mensagem no site oficial, explicando o momento pelo qual passa. "Desde que que o Sporting me comunicou que não contava comigo na primeira equipa para a temporada respeitei a decisão. Durante a minha carreira aprendi que nenhum jogador está acima de uma instituição. Treino de forma individual porque não conto com a autorização do Sporting para treinar com o grupo, situação que é difícil para mim porque quero e preciso treinar em grupo para manter o nível. Pedi para treinar com a equipa B. Não peço para ser reintegrado na primeira equipa porque entendo que o treinador não me tem nos planos para esta temporada e assumi que podia ser esta a situação ao ficar", explicou.

"Confio no meu representante e no Sporting para resolvermos esta situação e poder treinar com a equipa B do clube e procurar a melhor solução para todas as partes em janeiro", continuou o internacional pela Costa Rica, grande figura da seleção.

© Tony Dias/Global Imagens

"Gostava de ter feito parte do plantel, mas respeito as decisões. O futebol é assim"

"Para mim é importante clarificar informações erradas que se publicaram na imprensa e geraram confusão. Nunca pedi para rescindir o contrato. O Sporting nunca me pediu para não estar na Gold Cup de modo a fazer a pré-temporada. Se fosse assim tinha pedido ao corpo técnico da seleção para não jogar a prova. Além disso, não aceitei as opções que me apresentaram outros clubes porque não reuniam as condições pessoais e familiares, desportivas ou económicas. Não é verdade que as opções caíram por querer ficar livre ou não dar lucro a um clube que sempre me tratou com respeito, mas sim porque é importante dar a conhecer que numa negociação de transferência, o clube e o jogador têm o direito de obter as condições favoráveis. No meu caso, não eram as que desejava", vincou o jogador.

Ruiz termina agradecendo à federação da Costa Rica e continua a espelhar o carinho pelo Sporting, sem esquecer os adeptos. "Sporting tem adeptos que merecem ser campeões. Gostava de ter feito parte do plantel, mas respeito as decisões. O futebol é assim", terminou.

O melhor do MSN em qualquer dispositivo


AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon