Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Óbito/Manuel Martins: Jerónimo (PCP) exalta ação no tempo dos salários em atraso

Logótipo de O Jogo O Jogo 24/09/2017 Administrator

O líder comunista, Jerónimo de Sousa, exaltou a ação social de Manuel Martins, bispo emérito de Setúbal, falecido hoje, após comício autárquico da CDU, que junta PCP, "Os Verdes" e independentes, em Caneças, Odivelas.

"A minha primeira palavra será de apresentação de condolências a toda a Igreja Católica e a todos os católicos do nosso país", disse o secretário-geral do PCP.

"Com a contenção que o momento exige, de facto, foi uma personalidade que, em certos momentos, teve uma grande intervenção social, particularmente no tempo em que se trabalhava e não se recebia, no tempo dos salários em atraso", acrescentou o líder comunista.

Manuel Martins, bispo de Setúbal entre 1975 e 1998, morreu hoje aos 90 anos, informou, em comunicado, a Diocese de Setúbal.

Durante a crise dos anos 80, Manuel Martins chegou a ser conhecido por "bispo vermelho" pelas denúncias que fez de situações de pobreza e de fome na região.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon