Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Última bomba do Milan será concorrente para André Silva

Logótipo de O Jogo O Jogo 16/07/2017 Hugo M. Monteiro
© Fornecido por O jogo

Italianos estão a formar um onze de luxo para atacar com força o "scudetto", apostando agora em mais um avançado.

Com 211 milhões já gastos, dos quais 38 milhões de euros estavam reservados para André Silva, o Milan já definiu a sua última bomba neste mercado de verão.

Os italianos estão a apostar forte na conquista do "scudetto", um título que já foge há quase seis anos, e a aposta maior será na frente de ataque. Depois da contratação do avançado português, o Milan tem os olhos postos em quatro alvos: Morata, Aubameyang, Belotti e Kalinic.

Segundo o jornal italiano Corriere dello Sport, o favorito dos "rossoneri" é Belotti, sendo que os italianos estarão dispostos a desembolsar 50 milhões de euros mais a cedência de Niang e Paletta para fechar a contratação.

A concretizar-se, o negócio de Belotti levaria os gastos do clube quase aos 300 milhões de euros, depois de garantidas as contratações de André Silva, Andrea Conti, Franck Kessié, Hakan Calhanoglu, Mateo Musacchio, Ricardo Rodríguez, Biglia, Antonio Donnarumma e Leonardo Bonucci.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon