Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Último "número dois" do governo britânico de Hong Kong morreu aos 82 anos

Logótipo de O Jogo O Jogo 11/09/2017 Administrator

O último "número dois" do governo britânico de Hong Kong Sir David Ford morreu no sábado à noite, aos 82 anos, noticiou hoje a imprensa local.

David Ford foi secretário-chefe de Hong Kong entre 1986 e 1993, tendo sido substituído no cargo, em novembro de 1993, por Anson Chan, que confirmou a morte do antigo responsável britânico, de acordo com a Rádio e Televisão Pública de Hong Kong (RTHK).

Anson Chan, primeira mulher de etnia chinesa nomeada secretária-chefe de Hong Kong, endereçou condolências à família de David Ford e destacou o contributo do responsável para a transferência de Hong Kong para a soberania chinesa, em 1997, bem como o seu impulso para a construção do novo aeroporto da metrópole asiática, designado Chek Lap Kok.

Em 1993, Anson Chan era vista como uma das defensoras dos planos de democratização do sistema político de Hong Kong proposto pelo governador Chris Patten (1992-1997) contra a oposição de Pequim.

Nascido em 1935, Ford começou a carreira como oficial no exército britânico quando tinha cerca de 20 anos, tendo servido em 17 países de cinco continentes.

Em 1972 deixou o exército britânico e posteriormente passou mais de duas décadas em Hong Kong, tendo desempenhado vários cargos enquanto funcionário público do governo da antiga colónia britânica.

Depois da transferência da antiga colónica britânica para a China, em 1997, Ford deixou o serviço público e dedicou-se à pecuária em Devon (Inglaterra), mas em 2002 acabaria por renovar a ligação a Hong Kong, assumindo o cargo de diretor não executivo na empresa PCCW.

A atual líder do Executivo de Hong Kong, Carrie Lam, lamentou a morte de Ford e enviou as condolências à família.

"Sir David serviu o governo de Hong Kong durante um longo período de tempo antes do estabelecimento da Região Administrativa Especial de Hong Kong", afirmou Lam, no 'site' do Governo da região, destacando a "grande dedicação" e "significativos contributos".

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon