Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Único duelo oficial entre Portugal e Chile foi quase há um século e fica na história

Logótipo de O Jogo O Jogo 26/06/2017 Hugo Monteiro

A 27 de maio de 1928, Portugal, comandado por Cândido de Oliveira, venceu por 4-2, no 16.º encontro da história da equipa lusa e na estreia nos Jogos Olímpicos de Amesterdão.

Portugal vai voltar a encontrar numa partida oficial o Chile, nas meias-finais da Taça das Confederações de futebol, 89 anos depois de os sul-americanos terem apadrinhado a estreia da seleção lusa em jogos a sério.

A Arena Kazan, na Rússia, vai ser o palco daquele que será apenas o segundo duelo oficial entre portugueses e chilenos, sendo que o primeiro ocorreu há quase um século e ficou na história do futebol nacional.

O triunfo luso não foi fácil, uma vez que, aos 14 minutos, já perdia por 2-0, depois de golos de Carbonell e Saavedra, mas Vítor Silva, Pepe, por duas vezes, e Valdemar operaram a primeira reviravolta da história da seleção.

Desde aí, as duas equipas nunca mais se encontraram em jogos oficiais, mas disputaram dois particulares, o último em 2011, em Leiria, quando Portugal ainda estava a tentar o apuramento para o Euro'2012, sob o comando de Paulo Bento.

O jogo realizou-se a 26 de março e acabou empatado 1-1, com Silvestre Varela a marcar para a formação das quinas e Matias Fernández, que na altura alinhava no Sporting, a fazer o golo dos sul-americanos.

O jogo assinalou a estreia absoluta de Rui Patrício a titular na seleção principal, lugar que nunca mais abandonou, levando já 62 internacionalizações.

© Mário Cruz/Lusa

Além do guarda-redes, João Moutinho, Nani, Pepe, Bruno Alves e Ricardo Quaresma são os únicos sobreviventes desse encontro.

Em 1972, Portugal e Chile mediram forças, no Torneio da Independência do Brasil, uma prova particular, com novo triunfo das cores lusas.

No Recife, durante o reinado de José Augusto, Portugal venceu o Chile por 4-1, com golos de Humberto Coelho, Angulo, na própria baliza, Dinis e Eusébio.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon