Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

19 cidades candidatas a acolher o Europeu de futebol de 2020

Logótipo de LusaLusa 26/04/2014 Lusa

A capital inglesa e a cidade alemã são as duas únicas cidades que apresentaram candidatura ao pacote de meias-finais e final, que obrigava à existência de um estádio com capacidade para, pelo menos, 70.000 espetadores.

Aos serviços da UEFA chegaram até sexta-feira outras 17 candidaturas: Azerbaijão (Baku), Bielorrússia (Minsk), Bélgica (Bruxelas), Bulgária (Sófia), Dinamarca (Copenhaga), Macedónia (Skopje), Hungria (Budapeste), Israel (Jerusalém), Itália (Roma), Holanda (Amesterdão), República da Irlanda (Dublin), Roménia (Bucareste), Rússia (São Petersburgo), Escócia (Glasgow), Espanha (Bilbau), Suécia (Estocolmo), País de Gales (Cardiff).

LENNART PREISS/POOL/Bongarts/Getty Images Pool © 2013 LENNART PREISS/POOL/Bongarts/Getty Images Pool

A proposta de fazer o Euro2020 em 13 cidades diferentes foi aprovada em janeiro de 2013 e, em setembro do mesmo ano, tinham sido 32 as federações que expressaram o seu interesse na organização da prova.

Portugal ainda manifestou interesse, mas, na semana passada, as câmaras municipais de Lisboa e Porto, únicas cidades com estádios com capacidade, abdicaram de acolher encontros da prova.

“Estamos muito satisfeitos por termos recebido tantas propostas para receber o Euero2020. A edição do 60.º aniversário do torneio será histórica, com jogos disputados em muitos países europeus”, disse o presidente da UEFA, Michel Platini.

Citado na página oficial da UEFA, Platini considera que, ao “espalhar o Euro por todo o continente”, vão “proporcionar a mais adeptos de mais países, a possibilidade de desfrutarem do entusiasmo que é o de receberem um evento mágico”.

“As federações vão também beneficiar muito com este formato, pois estarão mais expostas a uma competição de elite e terão a oportunidade de aumentar o desenvolvimento do futebol nos respetivos países”, referiu.

A decisão sobre que cidades vão acolher o Euro2020 será tomada a 19 de setembro, durante a reunião do Comité Executivo da UEFA, em Genebra, na Suíça.

NFO // NFO

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon