Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

663 mil euros contra o doping

Logótipo de O Jogo O Jogo 06/03/2017 O Jogo
© Reprodução/Facebook

Agência Mundial Antidopagem quer fazer mais investigação, como a que resultou no relatório McLaren

A Agência Muncial Antidopagem (AMA) comunicou esta segunda-feira que tem 663 mil euros para gastar em investigação anti-doping, depois da contribuição de 47 mil euros feita pela Polónia.

O presidente do organismo, Craig Reedie, enalteceu o contributo dos polacos, considerando que reflete "o compromisso do país com a proteção dos atletas limpos".

"A AMA agradece à Polónia ter respondido à chamada feita aos governos em novembro de 2015 para fazerem contributos adicionais destinados a trabalhos de investigação", acrescentou.

A investigação de fundo de maior visibilidade levada a cabo levada pela AMA foi o Relatório McLaren, que denunciou a existência de um sistema de doping sistemático na Rússia com a conivência do estado, deixando muitos atletas russos foram das provas internacionais.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon