Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

"A Escócia, se calhar, é uma seleção mais ao nosso nível"

Logótipo de O Jogo O Jogo 20/07/2017 Alcides Freire

Diana Silva é jogadora do Sporting e estudante finalista de Ciências Farmacêuticas

A seleção Portugal cumpriu esta quinta-feira, no centro de Vooruit Oirschot, um treino ligeiro, de recuperação, um dia após a estreia, a perder (0-2 com a Espanha), no Europeu.

Diana Silva (R) of Portugal fights for the ball with Sophie Ingle (L) of Wales during their friendly match of preparation for the upcoming european soccer women at Estádio Municipal do Fontelo in Viseu 08 June 2017. NUNO ANDRÉ FERREIRA/LUSA © Nuno Andre Ferreira Diana Silva (R) of Portugal fights for the ball with Sophie Ingle (L) of Wales during their friendly match of preparation for the upcoming european soccer women at Estádio Municipal do Fontelo in Viseu 08 June 2017. NUNO ANDRÉ FERREIRA/LUSA

As 23 convocadas marcaram presença no relvado, num início de sessão com troca de bola, em grupos de quatro, e corrida, e depois o selecionador Francisco Neto dividiu o grupo entre titulares e suplentes.

As titulares Dolores Silva, Carole Costa, Sílvia Rebelo, Ana Borges, Vanessa Marques, Tatiana Pinto, Diana Silva, Ana Leite, Suzane Pires e Cláudia Neto ficaram de um lado, e de outro ficaram as que estiveram no banco, incluindo as suplentes utilizadas Laura Luís, Melissa Antunes e Carolina Mendes.

O selecionador português ensaiou com as jogadoras remates à baliza, na qual alternaram as guarda-redes Patrícia Morais, Rute Costa e Jamila Marreiros, e jogadas 'desenhadas' num terço de campo, com saída e rápidas trocas de bola entre as jogadoras, pressionadas por adversárias.

A sessão, com início às 17:30 locais (16:30 de Lisboa), durou apenas 45 minutos para as titulares de quarta-feira na derrota com Espanha, por 2-0, mantendo-se as restantes futebolistas em campo, com trabalho específico de transição e finalização.

De manhã, na unidade hoteleira de Oisterwijk, já tinha falado à imprensa a avançada Diana Silva, jogadora do Sporting e estudante finalista de Ciências Farmacêuticas, que mantém viva a esperança de um bom resultado no segundo jogo do Europeu.

"A Escócia (goleada quarta-feira por 6-0 pela Inglaterra), se calhar, é uma seleção mais ao nosso nível, mas também é um adversário muito forte e vamos ter que ter as nossas precauções contra elas", disse.

Portugal continuará na sexta-feira a preparação em Oisterwijk para o seu segundo jogo no Europeu, antes de seguir viagem no sábado para Roterdão, cidade palco do jogo diante da Escócia, no domingo, a partir das 18 horas locais, menos uma em Portugal continental.

A Inglaterra lidera o Grupo D, com os mesmos três pontos da Espanha, mas com vantagem na diferença de golos, face à goleada à Escócia (6-0).

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon