Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

A Holanda perdeu-se pelo Brasil e está de novo em desespero

Logótipo de O Jogo O Jogo 26/03/2017 Hugo Monteiro

Depois de falhar de forma surpreendente o Europeu de França, a seleção holandesa deu um tiro no pé no apuramento para o Mundial da Rússia.

© VASSIL DONEV/EPA

A Holanda é, neste momento, uma da seleção nas ruas da amargura. Depois do terceiro lugar alcançado no Mundial do Brasil, em 2014, a laranja mecânica, como chegou a ser conhecida, é hoje uma sombra do que já foi.

Ao brilharete alcançado em terras brasileiras, seguiu-se a inacreditável fase apuramento para o Europeu de França, prova na qual foi a grande ausência. Num grupo ganho pela República Checa, seguindo-se Islândia e Turquia, a Holanda ficou no quarto posto e acabou fora de uma competição que viria a ser ganha por Portugal.

Agora. com a mira no Mundial da Rússia, em 2018, os adeptos holandeses voltam a levar as mãos à cabeça. A derrota por 2-0 em casa da Bulgária coloca, desde já, em causa o apuramento da equipa treinada por Danny Blind. Com Bas Dost, do Sporting, anulado pelos defesas contrários, a Holanda sofreu o segundo desaire no Grupo A. A França, com 13 pontos, é líder, seguindo-se Suécia (10) e Bulgária (9). A Holanda tem sete e, para já, uma certeza: a margem de erro é nula.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon