Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

A polícia italiana efetuou sete detenções e desmantelou rede de contrabando de pessoas

Logótipo de O Jogo O Jogo 19/10/2017 Administrator

Rometta, Itália -- A polícia italiana anunciou hoje a detenção de sete pessoas e o desmantelamento de uma rede de contrabandistas que faziam chegar clandestinamente a Itália migrantes da Grécia e da Albânia.

Os "contrabandistas históricos" de Brindisi, em Itália, utilizavam a experiência que tinham com o contrabando de cigarros para transportar esses migrantes, que eram principalmente sírios mas também iraquianos e somalis.

O gangue era composto por 26 pessoas de origem italiana, grega e albanesa e os detidos são os sete membros principais do grupo, dos quais seis são italianos e um grego com origem iraquiana.

Os migrantes chegavam à Grécia através da Turquia e ficavam temporariamente nos arredores de Atenas de onde, mais tarde, os contrabandistas os transportavam num camião até à costa a partir da qual os migrantes partiam para Itália.

"Para o último trajeto, o preço solicitado a cada migrante andava à volta de 4.500 euros", refere o comunicado.

A embarcação utilizada para o transporte de migrantes foi confiscada pelas autoridades.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon