Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

A recuperação incrível do Crotone

Logótipo de O Jogo O Jogo 15/05/2017 Rodrigo Cortez
© EPA/ALBANO ANGILLETTA

Equipa do sul de Itália fez 17 pontos nas últimas sete rondas, quando nas anteriores 29 jornadas apenas tinha somado 14 pontos.

O Crotone é a melhor equipa italiana das últimas sete jornadas. Um facto absolutamente incrível tendo em conta que nas anteriores 29 rondas tinha sido a segunda pior.

Vamos a números: à 29º ronda, o clube da cidade do sul de Itália (Calábria) era 19º e penúltimo da tabela, com apenas 14 pontos conquistados, mais dois do que o Pescara, que era último. Tinha então três vitórias, cinco empates e 21 derrotas.

Depois disso, a equipa treinada pelo italiano Davide Nicola e onde se destacam jogadores como Mesbah, Tonev ou Crisetig somou nada menos do que 17 pontos em sete encontros, correspondentes a cinco vitórias e dois empates.

10-5 foi o saldo em golos nessas partidas, nas quais se incluíram uma vitória caseira frente ao Inter ou uma outra em Génova, em casa da Sampdória.

O Crotone está agora em 18º e antepenúltimo lugar da tabela, quando faltam duas rondas para terminar a I Liga de Itália. À sua frente tem Empoli (mais um ponto) e Génova (mais dois). Uma destas três equipas vai juntar-se a Palermo e Pescara no grupo que desce de escalão.

Nas últimas sete rondas, as melhores equipas da liga italiana foram:

1º Crotone e Nápoles, 17 pontos

3º Roma, 16

4º Lázio, 13

5º Juventus, Cagliari e Sassuolo, 12 pontos.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon