Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

A violenta queda de Toms Skujins: "Pedalava por instinto"

Logótipo de O Jogo O Jogo 19/05/2017 Alcides Freire

O jovem ciclista da Letónia, protagonista de uma violenta queda na Volta à Califórnia, sofreu um traumatismo craniano e a fratura da clavícula esquerda. Ainda assim continuou a pedalar: "Era por instinto", disse mais tarde

© Fornecido por O jogo

As imagens de Toms Skujins, momentos depois da queda na Volta à Califórnia, são perturbantes. O jovem ciclista da Cannondale-Drapac, equipamento rasgado, tenta levantar-se, ergue-se a como que vagueia pela estrada, procurando os óculos e escapando por milímetros ao pelotão que passa a grande velocidade. Apesar das dificuldades, Skujins volta a montar a bicicleta e só mais tarde, por ordem do diretor da equipa, pára.

"Estou bem, há cinco pessoas que tratam de mim [risos]. A dor de cabeça desapareceu e não tenho mais sintomas de perda de memória", contou o letão ao jornal francês L'Équipe. A verdade é que Toms Skujins sofreu um traumatismo craniano e fraturou a clavícula esquerda. "Não me lembro de nada da queda. Só me recordo de, dois minutos depois, entrar no carro da equipa. Tinha dificuldades em manter em conversar com os médicos e só 15 minutos depois é que recuperei a totalidade dos sentidos. Foi então que me apercebi das dores, que tinha perdido tempo e que não iria mais disputar a vitória [risos]. Foi então que percebi que tinha fraturado uma clavícula. Antes disso pedalei por instinto".

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon